Empty

Domingo, 05 de Abril de 2020
Mercado

Mercado de ovos segue fragilizado por excessos
Campinas, 27 de Fevereiro de 2020 - O primeiro dia da Quaresma mostrou um mercado frágil e sem muitas perspectivas, mas que pode ser considerado normal nesse período do mês onde o consumidor se encontra com baixo poder aquisitivo. Por isso, os negócios devem seguir disputados e com os compradores procurando obter vantagens nos fechamentos realizados.

Por ora, o preço médio alcançado no decorrer de fevereiro atinge R$94,77 e representa aumento de 31% sobre o mesmo período do ano passado. Entretanto, na comparação com o mesmo período de 2017, equivale a aumento que não chega a 12%. Ou seja, o valor alcançado atualmente não tem nada de excepcional.

Mesmo assim, faltando apenas dois dias de negócios para encerrar o mês, é quase certo que em fevereiro o produtor de ovos superará o maior preço médio nominal recebido no setor - alcançado em abril de 2017 - quando superou a barreira dos R$90,00, atingindo R$91,30.


(AviSite) (Redação)
|

Domingo, 05/04
Sexta-Feira, 03/04
Em vídeo, ABPA exalta ações preventivas contra a Covid-19 (09:54)
Ovos: disponibilidades seguem ajustadas na base de produção (06:22)
Quinta-Feira, 02/04
Setor de postura aguarda nova data para a realização da Festa do Ovo de Bastos (10:19)
Ovos: plantel de galinhas poedeiras em abril (08:34)
Ovos: ambiente de negócios permanece firme, mas preços apresentam estabilidade (06:23)
Quarta-Feira, 01/04
Setor produtivo aponta os “porquês” do aumento de preço dos ovos (07:39)
Ovos: combate ao Coronavírus potencializa consumo de ovos (07:04)
Terça-Feira, 31/03
Ovos: ao contrário das carnes suína e avícola, mercado de ovos segue com dinamismo nas vendas (07:09)
A volta dos fiscais do Sarney; atrás, inclusive, dos preços do ovo (07:04)



Últimos Clippings
Suíno: quedas acentuadas para o mercado independente
CNA destaca ações para reduzir impactos na comercialização de alimentos
Soja pode registrar semana de maior alta da história no Brasil
Milho abre a sexta-feira subindo em Chicago e na B3
Milho está acima de R$60 a saca em Campinas-SP

Nossos Parceiros
AgroceresAviste
seifunOrffa
MSDvaccinar