Terça-feira, 31 de Março de 2020
Produção

No ano passado os ovos comercializados na granja tiveram pequena melhora no índice de participação em relação ao varejo
Campinas, 29 de Janeiro de 2020 - O produtor de ovos que em 2018 tinha obtido a pior relação de preços na comparação com o varejo alcançou pequena recuperação no ano passado.

O acompanhamento histórico do septênio indica que em 2019 o produtor de ovos comercializou seu produto por 35,4% do valor da dúzia de ovos comercializada no mercado varejista, apontando melhora de quase 2,5 pontos percentuais em relação a 2018. De toda forma, mesmo com a recuperação, ainda foi o segundo pior índice do período analisado.

Permanece bem distante da média de 39,3% alcançada no quinquênio 2013/2017, quando na maior parte do período superou o índice de 40%. Ou, 6,6 pontos percentuais abaixo do maior índice alcançado em 2016. Isso porque enquanto o produto na granja sofreu queda de 7,7%, no varejo houve evolução de 9,4%.


(AviSite) (Redação)
|

Terça-Feira, 31/03
Segunda-Feira, 30/03
Desempenho do ovo, na granja, na 13ª semana de 2020 (07:09)
Ovos: evolução dos preços nesta Quaresma já supera levemente o índice máximo do ano passado (07:06)
Sexta-Feira, 27/03
Ovos: março apresenta recordes de preço seguidamente superados (06:46)
Ovos: preços se elevam 15,8% no decorrer de março (06:35)
Quinta-Feira, 26/03
Ovos de consumo: produção paulista chega pela 1ª primeira vez ao bilhão de dúzias (07:45)
Centro-Sul responde por 93% da produção brasileira de ovos férteis (07:42)
Ovos: mercado segue firme e conquistando novos reajustes (07:08)
Ovos: terceiro decêndio de março apresenta evolução significativa (07:05)
Quarta-Feira, 25/03
Ovos: mercadoria insuficiente para atender a demanda e preços em alta (07:27)
Ovos: expressivos aumentos no milho e farelo de soja corroem receita dos avicultores (07:09)



Últimos Clippings
Suíno: mercado continua com preços caindo nesta segunda-feira
Presidente da ACSURS frisa cuidados com a saúde para que produção suinícola possa continuar
Soja & Milho: negócios começam semana no BR com um pouco mais de calma
Demanda externa por carne brasileira melhora com retorno da China às compras
Milho amplia perdas em Chicago, mas sobe na B3

Nossos Parceiros
seifunAgroceres
vaccinarMSD
Orffa