Terça-feira, 14 de Julho de 2020
Mercado

Desempenho do ovo, na granja, na 46ª semana de 2019
Campinas, 18 de Novembro de 2019 - Nem parecia uma semana pós recebimento de salários da grande massa trabalhadora pois o consumo pouco se alterou. E mesmo as antecipações devido ao feriado nacional pouco modificaram as bases do mercado que continuaram manifestando disponibilidades acima da demanda.

Assim, o preço médio da caixa de ovos brancos ao produtor, interior de São Paulo, encerrou a primeira quinzena com o mesmo preço em que iniciou o mês, R$64,00. O ponto positivo é que o preço médio da última semana ainda se encontra 10,3% acima do baixo preço recebido no mesmo período do ano passado.

Por ora, encerrado a primeira quinzena sem valorização do produto, o preço médio do período continua apontando queda de 1,3% sobre o recebido em outubro último. O único ponto favorável é que também continua indicando valorização de 26,2% sobre novembro do ano passado, significando ganho anual de R$13,30 a mais por caixa. Mas, isso se torna pouco relevante ao verificar que o valor atual indica crescimento na casa de 8% sobre o recebido em novembro de 2015. E, de lá pra cá, a inflação foi muito superior.

A semana atual (semana 47, 17 a 23 de novembro) marca o período onde o consumo vai arrefecendo aos poucos. De toda forma, o feriado em várias cidades no meio dessa semana pode favorecer antecipações e deixar o mercado menos sujeito a pressões baixistas.

Nessa segunda quinzena, diferente das outras, o mercado pode ser favorecido com o recebimento da primeira parcela do 13º salário, contribuindo para deixar o mercado mais movimentado. Infelizmente, no ano passado nem isso ajudou pois o período foi marcado por sucessivas quedas. Ou seja, é preciso atentar para a lei imutável do necessário equilíbrio entre oferta e procura.




A Revista do AviSite e a Revista do Ovo já estão disponíveis! É só acessar!

  
(AviSite) (Redação)
|

Terça-Feira, 14/07
Decreto regulamenta e altera normas referentes à inspeção ante e post mortem (09:39)
Biosseguridade: conheça os dez passos mais importantes para obter qualidade na produção de ovos (08:46)
Ovos: preço máximo ainda se encontra abaixo do recebido em 2017 (08:16)
Segunda-Feira, 13/07
Biosseguridade, uma ferramenta de prevenção e saúde (08:53)
O primeiro semestre da avicultura em 2020 (08:46)
Desempenho do ovo, na granja, na 28ª semana de 2020 (07:05)
Sexta-Feira, 10/07
VII Fórum Virtual Asgav & Sipargs debate mercado de grãos e sua relação na indústria de proteína animal (14:15)
Ovos: evolução diária apresenta comportamento anormal para o período (07:28)
Quinta-Feira, 09/07
João Henn, da Embrapa Suínos e Aves, aponta os principais pontos de evolução técnica da avicultura de postura (09:13)
Ovos: novo reajuste, 30º do ano, ainda está abaixo do recebido em 2016 (08:27)
Frango, ovo, milho e inflação no primeiro semestre de 2020 (08:08)
Ovo x Milho: matéria-prima corrói a recuperação de preços no mercado de ovos (06:28)
Quarta-Feira, 08/07
Em 2029 cada brasileiro consumirá 282 ovos por ano, estima FIESP (08:05)
Ovo x Milho: relação de troca segue desfavorável aos avicultores (07:12)
Ovos: preços seguem evoluindo e começam a dar maior sustentação aos negócios (07:05)



Últimos Clippings
Agências da ONU recomendam mudança na área de alimentos
Crise? Que crise? Setor de alimentos está bombando na Bolsa
Apenas em 2 semanas de julho Brasil já exportou 132% a mais de milho do que todo o mês de junho
Brasil importa mais que o triplo de soja nos primeiros 8 dias úteis de julho do que em todo mesmo mês de 2019
Ajuste da oferta faz frango subir no país

Nossos Parceiros
seifunMSD