Sábado, 11 de Julho de 2020
Saúde Pública

China pediu informações sobre prevenção e fechamento de plantas por causa da Covid-19
São Paulo, SP, 24 de Junho de 2020 - O Ministério da Agricultura confirmou ao Broadcast Agro que a China solicitou ao Brasil informações sobre adoção de medidas de prevenção contra a covid-19 e paralisação de unidades industriais no País por causa de casos da doença. "Caso ocorram novos casos em que o estabelecimento não consiga fazer a contenção de seus trabalhadores, (os chineses) solicitam que sejam comunicados imediatamente. O que será cumprido", informou a pasta, por e-mail.

Players da cadeia de carnes relataram ao Broadcast Agro que a China está pedindo a frigoríficos brasileiros que assinem uma carta se responsabilizando integralmente pela carga caso ela esteja contaminada pelo novo coronavírus. O país asiático vem demonstrando preocupação com a contaminação de produtos e suspendeu aquisições de unidades de carne suína na Alemanha e de aves nos Estados Unidos.

Segundo o ministério, não será adotada restrição voluntária de exportação de estabelecimentos com casos ou suspeitas de covid-19 se as empresas estiverem adotando as medidas da Portaria Conjunta nº 19, dos ministérios da Agricultura, Saúde e Economia. A portaria estabelece as medidas a serem observadas para prevenção, controle e mitigação dos riscos de transmissão da covid-19 nas atividades desenvolvidas na indústria de abate e processamento de carnes e derivados destinados ao consumo humano e laticínios.

Quanto aos setores que estariam incluídos na solicitação de informação do governo chinês, o ministério informou que "o pedido foi de forma genérica, mas o foco da preocupação é a indústria de carne". "Até o momento, o ministério não recebeu qualquer solicitação de informação sobre exportação de grãos", disse o órgão.

Questionado se havia preocupação com suspensão de importação de alguma planta brasileira pela China devido a casos da doença, a exemplo do que ocorreu em outros países, o ministério informou que "prestou todas as informações solicitadas e espera que sejam suficientes para evitar qualquer possibilidade de embargo". "A possibilidade de uma medida como essa - embargo - poderá ocorrer no caso de alguma empresa não adotar ações de prevenção e controle em relação à doença", informou o órgão.
(Leticia Pakulski) (Broadcast Agro)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sábado, 11/07
Sexta-Feira, 10/07
Com alta de 24,5%, exportações do agronegócio batem recorde para meses de junho e ultrapassam US$ 10 bilhões (13:53)
FRANGO/CEPEA: apesar de queda nos embarques, preço interno da carne está firme (07:31)
Agronegócio responde por 72% das exportações catarinenses no primeiro semestre de 2020 (07:26)
Com recordes de valores de soja e milho, VBP de 2020 é estimado em R$ 716,6 bilhões (07:25)
Comercialização de soja 2019/20 e da safra nova em junho foi mais lenta (07:10)
Quinta-Feira, 09/07
SUÍNOS/CEPEA: preços do vivo sobem em quase todas as regiões; exportações estão aquecidas (09:47)
BOI/CEPEA: indicador volta a fechar acima de R$ 220 (09:46)
Dicas para inovar no agronegócio e vender mais (08:15)
C.Vale e Pluma Agroavícola colocam em funcionamento frigorífico da Plusval (08:14)
Brasil retoma posto de maior produtor de soja do planeta (07:53)
Quarta-Feira, 08/07
Produção de grãos deve atingir 251,4 milhões de toneladas segundo levantamento da Conab (11:32)
Indústria global de carne de aves se recupera gradualmente, mas 2º semestre pode trazer volatilidade (09:12)
Nui Markets vê bom potencial no Brasil (09:10)
Exportadores do Brasil propõem testar carne para acalmar China (09:10)
Exportação de grãos deve beirar recorde (09:09)
Terça-Feira, 07/07
Teste rápido é inútil para conter a covid-19 dentro de frigoríficos (09:25)
Falha em busca ativa justifica testes de anticorpos, diz MPT (09:23)
Preços mais firmes para o farelo de soja (08:47)
Podcast FACTA: novo episódio será sobre a utilização da tecnologia NIR para análises rápidas e eficientes na alimentação animal (08:02)