Domingo, 12 de Julho de 2020
Saúde Animal

China detecta peste suína africana em outro caminhão de suínos
São Paulo, SP, 22 de Abril de 2020 - O Ministério da Agricultura da China disse na terça-feira (21) que detectou o mortal vírus da peste suína africana em porcos transportados para a província de Sichuan, no sudoeste, o mais recente em uma dúzia de casos nos últimos dois meses.

A China luta contra a peste suína africana desde agosto de 2018, depois que a doença se espalhou rapidamente pelo principal produtor mundial de carne suína, matando milhões de porcos e elevando os preços da carne suína.

No último incidente, o vírus foi encontrado em porcos em um caminhão parado para inspeção no condado de Nanjiang, perto da cidade de Bazhong. O caminhão carregava mais de 100 porcos e dois morreram, informou o ministério.

Os casos relatados pelo Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais haviam diminuído para apenas um par por mês até o final do ano passado, mas 13 foram publicados no site do ministério desde março.

Todos os casos, além do encontrado em javalis, foram em porcos transportados entre províncias.

"O governo tem acesso mais fácil aos caminhões de transporte de suínos do que ter que confiar na disposição dos agricultores de denunciar surtos", disse Dirk Pfeiffer, professor de epidemiologia veterinária na City University de Hong Kong.

Pfeiffer acrescentou que os relatórios recentes podem não revelar muito sobre a epidemiologia da doença, com casos relatados provavelmente apenas na ponta do iceberg.

Apesar dos números de surtos do ministério da agricultura sugerirem muito menos animais envolvidos, os próprios dados do ministério mostraram que em setembro de 2019 o rebanho havia encolhido 41% ano a ano. Muitos na indústria acreditam que ela encolheu até 60%.

O vice-ministro da Agricultura, Yu Kangzhen, disse na segunda-feira que o risco de peste suína africana aumentou significativamente recentemente, à medida que os agricultores correm para reconstruir seus rebanhos e mover porcos jovens para novas fazendas.
(Reuters) (Redação)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Domingo, 12/07
Sexta-Feira, 10/07
Com alta de 24,5%, exportações do agronegócio batem recorde para meses de junho e ultrapassam US$ 10 bilhões (13:53)
FRANGO/CEPEA: apesar de queda nos embarques, preço interno da carne está firme (07:31)
Agronegócio responde por 72% das exportações catarinenses no primeiro semestre de 2020 (07:26)
Com recordes de valores de soja e milho, VBP de 2020 é estimado em R$ 716,6 bilhões (07:25)
Comercialização de soja 2019/20 e da safra nova em junho foi mais lenta (07:10)
Quinta-Feira, 09/07
SUÍNOS/CEPEA: preços do vivo sobem em quase todas as regiões; exportações estão aquecidas (09:47)
BOI/CEPEA: indicador volta a fechar acima de R$ 220 (09:46)
Dicas para inovar no agronegócio e vender mais (08:15)
C.Vale e Pluma Agroavícola colocam em funcionamento frigorífico da Plusval (08:14)
Brasil retoma posto de maior produtor de soja do planeta (07:53)
Quarta-Feira, 08/07
Produção de grãos deve atingir 251,4 milhões de toneladas segundo levantamento da Conab (11:32)
Indústria global de carne de aves se recupera gradualmente, mas 2º semestre pode trazer volatilidade (09:12)
Nui Markets vê bom potencial no Brasil (09:10)
Exportadores do Brasil propõem testar carne para acalmar China (09:10)
Exportação de grãos deve beirar recorde (09:09)
Terça-Feira, 07/07
Teste rápido é inútil para conter a covid-19 dentro de frigoríficos (09:25)
Falha em busca ativa justifica testes de anticorpos, diz MPT (09:23)
Preços mais firmes para o farelo de soja (08:47)
Podcast FACTA: novo episódio será sobre a utilização da tecnologia NIR para análises rápidas e eficientes na alimentação animal (08:02)