Terça-feira, 02 de Junho de 2020
Empresas

BRF mantém embarques ao exterior
São Paulo, 30 de Março de 2020 - A brasileira BRF, a maior exportadora mundial de carne de frango, segue enviando seus produtos ao exterior, apesar dos impactos do combate ao coronavírus na economia e na logística mundial. “Em relação às exportações, todos os volumes produzidos pela Companhia com destino à exportação estão sendo embarcados sem ruptura até este momento”, informou a empresa para a ANBA na sexta-feira (27), ao ser questionada sobre a regularidade da exportação e o abastecimento ao mercado árabe.

Entre as demais empresas consultadas pela ANBA sobre os embarques internacionais no atual cenário do coronavírus, a Marfrig, produtora de carne bovina, afirmou que mantém suas unidades em funcionamento para alimentar brasileiros e milhões de pessoas em mais de cem países. Já a Minerva, também de carne bovina, enviou nota na qual informa férias coletivas em quatro das suas unidades.
A BRF informou que “possui um plano de contingenciamento para garantir a operação no Brasil e no mundo e continua operando neste momento, mantendo o funcionamento de seus complexos industriais, centros de distribuição, logística, cadeia de suprimentos e escritórios de apoio, não apresentando qualquer alteração em sua programação de produção, operação e/ou comercialização”.

A empresa afirma que mantém os embarques, e analisa cuidadosamente e constantemente todas as variáveis e possíveis cenários, por meio de um comitê permanente de acompanhamento multidisciplinar, formado por executivos e apoio de especialistas renomados, inclusive da área de infectologia. Além de exportar do Brasil para os países árabes, a companhia possui uma planta processadora em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, e anunciou abertura de unidade na Arábia Saudita.

A Marfrig divulgou comunicado no qual informa firmar compromisso com o Brasil, seus clientes, colaboradores e consumidores de operar suas unidades de produção e distribuição, seguindo os protocolos das autoridades de saúde dos países onde atua. “Hoje, todas as plantas da Marfrig, no Brasil, Argentina, Uruguai, Chile e Estados Unidos, estão em pleno funcionamento. Vamos trabalhar incansavelmente para mantê-las operando e, assim, fazer nossa parte para que não falte carne aos consumidores locais e aos nossos clientes de países para os quais exportamos”, disse.

A Minerva informou em nota divulgada que concedeu férias coletivas aos colaboradores das plantas de Janaúba, em Minas Gerais, José Bonifácio, em São Paulo, e Mirassol D´Oeste e Paranatinga, ambas no Mato Grosso, e adotou o home office para parte dos trabalhadores da área administrativa em São Paulo e Barretos. A empresa diz que as ações visam colaborar com as medidas adotadas pelas autoridades para o combate à propagação do novo coronavírus no País.

“A decisão também está alinhada à piora dos cenários doméstico e global, que inclui queda da demanda no segmento de food service e limitações logísticas em diversas partes do mundo”, informa a Minerva. A companhia divulgou em outros momentos o food service como um dos seus grandes focos. O segmento, formado por restaurantes e refeições fora de casa, está sendo altamente impactado pela crise do coronavírus devido ao fechamento destes estabelecimentos em vários países. Grande parte dos restaurantes e lanchonetes passou a atender apenas por meio de delivery. A Minerva informou, ainda, que adotaria medidas comerciais para apoiar clientes do segmento de food service e seguiria colaborando com seus operadores logísticos.

A JBS foi consultada, mas afirmou que não conseguiria participar da reportagem.

Entre as entidades do segmento, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) informou que “os setores de aves, ovos e suínos do Brasil estão empenhados na manutenção do fluxo de oferta de alimentos para a população brasileira, em meio à crise do covid-19”. A Associação Brasileira das Indústrias de Carnes (Abiec) divulgou comunicado em que garante o abastecimento do mercado interno e as exportações de carne bovina.
(ANBA ) (Isaura Daniel)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Terça-Feira, 02/06
JBS de Ipumirim volta às atividades: “outro ânimo para trabalhar”, diz produtor (09:10)
Soja: mercado em Chicago trabalha em campo positivo nesta 3ª feira (08:13)
ABPA afirma que o Brasil está pronto para exportar mais carnes para a China durante imbróglio com os EUA (07:39)
Embarques de carne suína batem recorde para um mês de maio (07:36)
Preço pago pelo quilo do suíno vivo no RS inicia junho estável (07:35)
Suíno: cotações estáveis ou em alta neste início de junho (07:34)
Boi: escalas de abate recuam e dão fortes indicações que a oferta de animais será menor neste final de safra (07:32)
Milho começa junho se desvalorizando no Brasil (07:29)
USDA: plantio do milho chega a 93% e 60% da soja está em boas/excelentes condições (07:27)
Soja em Chicago fica estável (07:24)
Segunda-Feira, 01/06
Governo de SC auxilia em processo de reabertura do frigorífico de Ipumirim (15:57)
FACTA lança podcast sobre avicultura (15:09)
Perspectivas dos preços de insumos e ração animal para aves e suínos para 2020 (13:45)
Webinar da Aviagen explora os meios para alcançar uma saúde intestinal ideal (09:51)
Milho começa a semana com leves quedas na B3 e em Chicago (09:46)
Soja inicia junho com estabilidade em Chicago (08:42)
China pede a estatais que parem compras de soja e carne suína dos EUA, dizem fontes (08:30)
Ministério da Agricultura recomenda que sacrifício de animais seja última opção (08:27)
‘É melhor abater no concorrente do que jogar a carne fora’ ,diz especialista em saúde animal (08:26)
Cooperativas do Sul discutem impactos da pandemia na indústria frigorífica (08:08)
Testes de salmonella acontecem antes, durante e após o abate dos frangos (08:07)
MAPA divulga consórcios municipais selecionados para participar do projeto de ampliação do mercado de Produtos de Origem Animal (08:02)
JBS tem aval da Justiça do trabalho para reabrir planta de Ipumirim, SC (08:00)
Em consulta pública, MAPA colhe sugestões sobre atos normativos da Defesa Agropecuária (07:58)
Ovos/CEPEA: menor demanda no fim de maio acentua desvalorização (07:43)
Milho: colheita da segunda safra avança e enfraquece preços (07:42)
Suíno: cotações ficam estáveis no fechamento de maio (07:33)
Embora calmo, o mercado do boi está firme (07:31)
BRF diz que contraprova de Covid-19 em fábricas em SC e RS confirma número baixo de positivos (07:19)
Sexta-Feira, 29/05
Semana teve poucas alterações nos preços físico do milho (09:59)
China deixará mercado de frango dos EUA durante recuperação (09:48)
Conselho do FCO aprova R$ 146,1 milhões em investimentos em MS (09:47)
Alojamento de pintos de corte caiu menos do que o esperado pela Apinco (09:46)
Soja: mercado ainda caminha de lado na Bolsa de Chicago nesta 6ª feira (08:02)
FRANGO/CEPEA: poder de compra frente ao farelo de soja é o mais baixo em dois anos (07:53)
Preço do boi gordo teve um ganho de 1,23% nesta semana no RS (07:44)
Suíno: cotação caiu 3,4% nas granjas paulistas em uma semana (07:41)
Preços para a suinocultura independente têm leve alta ou estabilidade nesta semana (07:40)
Suínos: mês se encaminha para o final com cotações mistas (07:37)
Milho cai no mercado físico com início da colheita, mas sobe na B3 (07:28)
Soja em Chicago pode mudar patamar de preços com influência do mercado climático nos EUA a partir de junho (07:21)
Produtores de soja tiveram 1º quadrimestre com resultado financeiro positivo (07:19)
Quinta-Feira, 28/05
Por um país mais cooperativo, por Francisco Turra (10:17)
Milho começa a 5ª feira subindo na B3 e em Chicago (09:35)
Frigoríficos temem perder mercado após interdições por Covid-19 (09:30)
BRF busca manter oferta ajustada às curvas da demanda (09:19)
Frango Americano projeta crescimento de 30% com apoio do Governo do Tocantins (09:18)
Pandemia já afeta produção de carne bovina (09:15)
Pela primeira vez, produção global de carne de frango deve ser maior que a de proteína suína (09:11)
Aviagen Brasil mostra espírito solidário com doações no interior de São Paulo (09:04)
Soja caminha de lado em Chicago nesta 5ª feira (08:32)
Suínos: vendas aumentam e elevam preços em maio (08:15)
Boi Gordo: mercado externo aquecido e menor oferta interna sustentam preços (08:13)
Indústrias estão oferecendo mais pela arroba do boi gordo (08:10)
Milho cai no mercado físico e na B3 seguindo baixa do dólar (08:03)
Soja brasileira está US$0,10/bushel mais cara que a americana (08:00)
Quarta-Feira, 27/05
Sindirações lança guia de boas práticas na indústria de alimentação animal para o enfrentamento da Covid-19 (15:23)
Milho: 4ª feira começa com resultados em campo misto na B3 (09:29)
PIB agropecuário crescerá até 2,5%,diz Ipea (09:13)
Mais proteína na cesta básica (09:12)
Soja em Chicago dá continuidade às últimas altas e segue em campo positivo nesta 4ª feira (08:50)
Agroindústrias de SC doam R$ 35 milhões para o combate à pandemia (08:24)
Ministra destaca trabalho do Mapa para garantir abastecimento durante a pandemia (08:21)
Suínos: cotações começam a ceder, principalmente para animal vivo (08:12)
Milho cai no mercado físico e na B3 nesta 3ª feira (08:10)
Boi: vencimentos futuros finalizam a 3ª feira com leves baixas na B3 (08:08)
Boi Gordo registra pouca oferta de boiadas e sem progresso nas escalas de abate (08:06)
Mercado climático pode fazer soja em Chicago buscar os US$ 9,00/bushel (08:00)
USDA: plantios de soja e milho avançam bem nos EUA e ficam dentro das expectativas (07:55)
Senado aprova prorrogação de vencimento de dívidas rurais (07:51)
Operações de embarque de grãos em berço de Paranaguá param após caso de Covid-19 (07:49)