Segunda-feira, 06 de Julho de 2020
Matérias-Primas

Soja marca novo dia de estabilidade nesta 4ª em Chicago
Campinas, SP, 16 de Outubro de 2019 - Nesta quarta-feira (16), o mercado da soja marca mais um dia de estabilidade entre os futuros negociados na Bolsa de Chicago. Por volta de 7h55 (horário de Brasília), as cotações recuavam entre 0,75 e 1,50 ponto nos principais contratos, com o novembro valendo US$ 9,33 e o maio/20, US$ 9,66 por bushel.

A falta de informações novas e concretas sobre as relações entre China e Estados Unidos mantém o mercado inerte, com os traders ainda na espera por um caminho para voltarem a se posicionar com um pouco mais de agressividade.

"Temores de que a trégua pode voltar a se transformar em guerra comercial entre EUA e China e a pressão sazonal da entrada da safra nova americana exercem pressão a impedem uma melhor reação nos preços em Chicago", explica Steve Cachia, consultor da AgroCulte e da Cerealpar.

Ontem, os números do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) mostraram que até o último domingo (13), a colheita da soja foi concluída em 26% da área, contra 14% da semana anterior, enquanto o mercado esperava um número de 26%. Em 2018, nesse mesmo período, a área já estava 37% colhida e a média dos últimos cinco anos é de 49%.

No entanto, ainda segundo Cachia, "aparentemente, a ameaça de clima prejudicial ao ritmo de colheita e talvez até da produtividade nos EUA e exportações americanas não impressionam".
(Notícias Agrícolas) (Carla Mendes)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 06/07
Sexta-Feira, 03/07
China absorve 10% de toda carne bovina produzida no Brasil (08:46)
Frangos, pintainhos e até ovos: caminhoneiro conta como carrega carga viva (08:44)
Inspeções na China devem atrasar fluxo nos portos (08:43)
Quinta-Feira, 02/07
Suínos: cotações encerram junho em alta (09:35)
Boi: vantagem da carne sobre boi se reduz em junho (09:30)
Milho fecha 1º dia do mês subindo no mercado brasileiro (07:37)
Apesar de safra recorde de soja, país deve fechar ano com menor estoque da história (07:27)
Soja: Brasil fecha semestre com embarques de mais de 63 mi de t, 43% a mais na comparação anual (07:19)
Quarta-Feira, 01/07
Plano Safra 2020/2021 entra em vigor nesta 4ª feira (09:52)
Frigoríficos: Paim quer anular portarias com medidas de prevenção que ele considera ineficazes (09:45)
Surpresa no relatório de área plantada eleva preços de soja e milho em Chicago (08:00)
Terça-Feira, 30/06
Mato Grosso já colheu 31,56% da segunda safra de milho; preços caíram 17% no mês (09:18)
O uso de imunomoduladores e betaglucanos nas aves é tema do novo episódio do podcast da FACTA (09:01)
China suspende importações de carne de três frigoríficos brasileiros devido à Covid-19 (06:26)