Sexta-feira, 29 de Maio de 2020
Empresas

Aves Hendrix são as campeãs do Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba

Ovos que foram premiados nos três primeiros lugares das duas categorias – ovos brancos e ovos vermelhos - são Dekalb, Bovans, Hisex e Isa Brown.
Venda Nova do Imigrante, ES, 12 de Junho de 2019 - No momento em que a equipe mundial da Hendrix Genetics comemora dois excelentes resultados em pesquisas internacionais (nos Estados Unidos e Japão) apontando a rentabilidade de suas linhagens de poedeiras (Hisex, Dekalb, Bovans e ISA), as equipes da Hendrix que atuam no Brasil são puro entusiasmo com os resultados de suas aves no 3º Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba. Realizado no dia 5 de junho, dentro da programação da 5ª. Favesu, a Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba, em Venda Nova do Imigrante (ES), o Concurso vem se consolidando no setor de ovos e este ano abriu a disputa, também, para a categoria ovos vermelhos.

Avicultores clientes das linhagens Hisex, Dekalb, Bovans e Isa Brown – todos produtos da Hendrix Genetics – faturaram os três primeiros lugares nas duas categorias do Concurso capixaba. Na categoria ovos vermelhos, o campeão foi a Granja Capixaba/Ovos Galo Queri, do produtor Carlos Magnus Caliman Berger, com ovos da poedeira Dekalb Brown (foto no destaque). No segundo lugar ficou a granja Ovos BL, do produtor Halecson Stinguel, com aves Hisex Brown. Em terceiro lugar no podium figurou a Granja Bromerschenkel, de Dolares Bromerschenkel, com aves Isa Brown.
Já na categoria ovos brancos, a campeã no Concurso Capixaba foi a granja Ovos BL, de Halecson Stinguel, com aves Bovans White (primeira foto na galeria abaixo); o segundo lugar foi para a Granja Lemke, de Waldemar Lemke, com poedeiras Hisex White (segunda foto na galeria abaixo); e o terceiro lugar ficou com a Granja Capixaba, do avicultor Carlos Magnus Caliman Berger, com ovos das aves Dekalb White (terceira foto na galeria abaixo).

“Não podemos dizer que foi uma surpresa, pois os produtores e distribuidores de nossas poedeiras no Brasil têm trabalhado firme para atender com excelência a nossos clientes avicultores. Mas nossa alegria é imensa ao ver nossos clientes no podium de qualidade da avicultura capixaba. O Concurso da AVES aponta o que as pesquisas de institutos renomados internacionalmente têm demonstrado ao longo dos anos: as poedeiras das linhagens Hendrix possuem genética superior e fazemos reprodução de forma sustentável. Quando se junta a isso o capricho de manejo que os avicultores brasileiros têm, o resultado é excelente”, afirma, orgulhoso, o executivo Marco de Almeida, diretor da Hendrix Genetics para o Brasil e América do Sul.
Marco de Almeida se refere a duas pesquisas de campo divulgadas recentemente em nível internacional. Em uma delas – registrada na edição 30 da Revista Layesr Vision – está um experimento independente realizado em Gunma (Japão) com aves Hendrix Genetics para verificação do desempenho econômico de poedeiras de diferentes players genéticos. As linhagens da Hendrix tiverem performance superior, tanto em produtividade quanto em qualidade da casca e menor consumo de ração. Os resultados mostraram maior lucratividade para os avicultores que optaram por aves Hendrix Genetics, tanto as vermelhas quanto brancas. No resume econômico desse experimento japonês, o resultado em lucro por ave alojada, em 100 semanas, foi maior em R$3,83 por aves brancas e em R$3,38, por ave vermelha.

Nos Estados Unidos, o estudo que é feito periodicamente pela Universidade da Carolina do Norte, comprovou - no 40º teste de desempenho desse tipo realizado pela instituição - que poedeiras Hendrix superam aves de outros players genéticos em mais de 20 ovos por ave alojada, com menor consumo de ração por ovo produzido. “Esse tradicional teste de desempenho na Carolina do Norte mostra que não importa o sistema de alojamento, nem a cor dos ovos: os produtos Hendrix Genetics superam a concorrência”, exulta o diretor Marco de Almeida.



CONFIRA O PLACAR DO 3º. CONCURSO DE QUALIDADE DE OVOS CAPIXABA
Categoria ovos brancos
1º lugar - Ovos BL - Alecson Stinger (BOVANS)
2º lugar - Granjas Lemke - Waldemar Lemke (HISEX)
3º lugar - Granja Capixaba - Carlos Magnus Caliman Berger (DEKALB)

Categoria ovos vermelhos
1º Lugar – Granja Capixaba / Ovos Galo Queri - Carlos Magnus Caliman Berger (DEKALB)
2º Lugar – Ovos BL - Halecson Stinguel (HISEX)
3º Lugar – Granja Bromerschenkel - Dolares Bromerschenkel (ISA BROWN)

TESTES INTERNACIONAIS INDEPENDENTES MOSTRAM A RENTABILIDADE DAS POEDEIRAS HENDRIX
Estudos realizados nos Estados Unidos e no Japão com as linhas de poedeiras da Hendrix - Hisex, Dekalb, Bovans e ISA - revelam que essas linhagens superam a concorrência.

Nos Estados Unidos, o 40º Teste de desempenho na produção de ovos e qualidade de cascas na Universidade da Carolina do Norte demonstra que, não importa o sistema de alojamento nem a cor da casca: as linhagens Hisex, Dekalb, Bovan e ISA, da Hendrix Genetics, superam a concorrência em mais de 20 ovos por ave alojada e menor consumo de ração por ovo produzido.

O desempenho das linhagens Hendrix foi reconfirmado em mais um experimento internacional independente, realizado em 2018 no Japão. Resultados da Associação Avícola da Província de Gunma demonstram que as poedeiras das linhagens Hendrix mostram desempenho superior à concorrência com R$3,00 a mais de lucro por ave alojada.

Os produtos da Hendrix Genetics lideram os testes independentes, conforme demonstram os gráficos em anexo.

Sobre a Hendrix Genetics:

Hendrix Genetics, com sede na cidade de Boxmeer-Holanda é uma empresa líder em desenvolvimento genético primário de múltiplas espécies: Aves de Postura, Perus, Suínos, Aquicultura e Aves de Capoeira. A Hendrix Genetics oferece expertise e recursos para os produtores em mais de 100 países, com operações e joint ventures em 24 países e mais de 2.800 funcionários no mundo todo. Hendrix Genetics contribui para a produção sustentável e rentável de ovos através da melhoria contínua da qualidade do ovo, saúde animal e desempenho de postura: pioneirismo nos 500 ovos por galinha num único ciclo é reflexo dessa visão.

No Brasil, a Hendrix Genetics faz a distribuição das linhagens de poedeiras Dekalb e Hisex. Além da distribuição das linhagens Bovans White e Isa Brown, através da parceira Mercoaves.
A base brasileira da Hendrix atende a América do Sul com Matrizes de Postura e suporte no desenvolvimento de novos negócios das demais espécies.
Para mais informações, visite www.hendrix-genetics.com
(Hendrix Genetics ) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 29/05
Quinta-Feira, 28/05
Por um país mais cooperativo, por Francisco Turra (10:17)
Milho começa a 5ª feira subindo na B3 e em Chicago (09:35)
Frigoríficos temem perder mercado após interdições por Covid-19 (09:30)
BRF busca manter oferta ajustada às curvas da demanda (09:19)
Frango Americano projeta crescimento de 30% com apoio do Governo do Tocantins (09:18)
Pandemia já afeta produção de carne bovina (09:15)
Pela primeira vez, produção global de carne de frango deve ser maior que a de proteína suína (09:11)
Aviagen Brasil mostra espírito solidário com doações no interior de São Paulo (09:04)
Soja caminha de lado em Chicago nesta 5ª feira (08:32)
Suínos: vendas aumentam e elevam preços em maio (08:15)
Boi Gordo: mercado externo aquecido e menor oferta interna sustentam preços (08:13)
Indústrias estão oferecendo mais pela arroba do boi gordo (08:10)
Milho cai no mercado físico e na B3 seguindo baixa do dólar (08:03)
Soja brasileira está US$0,10/bushel mais cara que a americana (08:00)
Quarta-Feira, 27/05
Sindirações lança guia de boas práticas na indústria de alimentação animal para o enfrentamento da Covid-19 (15:23)
Milho: 4ª feira começa com resultados em campo misto na B3 (09:29)
PIB agropecuário crescerá até 2,5%,diz Ipea (09:13)
Mais proteína na cesta básica (09:12)
Soja em Chicago dá continuidade às últimas altas e segue em campo positivo nesta 4ª feira (08:50)
Agroindústrias de SC doam R$ 35 milhões para o combate à pandemia (08:24)
Ministra destaca trabalho do Mapa para garantir abastecimento durante a pandemia (08:21)
Suínos: cotações começam a ceder, principalmente para animal vivo (08:12)
Milho cai no mercado físico e na B3 nesta 3ª feira (08:10)
Boi: vencimentos futuros finalizam a 3ª feira com leves baixas na B3 (08:08)
Boi Gordo registra pouca oferta de boiadas e sem progresso nas escalas de abate (08:06)
Mercado climático pode fazer soja em Chicago buscar os US$ 9,00/bushel (08:00)
USDA: plantios de soja e milho avançam bem nos EUA e ficam dentro das expectativas (07:55)
Senado aprova prorrogação de vencimento de dívidas rurais (07:51)
Operações de embarque de grãos em berço de Paranaguá param após caso de Covid-19 (07:49)
Terça-Feira, 26/05
ACAV reitera compromisso firmado com o governo de SC em busca de soluções adequadas ao Estado (10:17)
Maioria dos funcionários da BRF volta ao trabalho em SC (08:49)
Empresários preveem que oferta de produtos agrícolas será mantida (08:48)
Preços do milho andam de lado no mercado brasileiro (08:37)
Soja sobe em Chicago nesta 3ª feira, retomando negócios pós feriado nos EUA em campo positivo (08:36)
CNA e FEBRABAN discutem medidas estruturantes para o Agro (08:31)
Suíno: cotações mistas e altas mais discretas nesta segunda-feira (08:26)
Exportação de suínos deve ser recorde em maio; no caso das aves, preços vêm caindo (08:24)
Mais de 93% dos trabalhadores da BRF em Concórdia/SC voltam ao trabalho (08:18)
Em SP, antecipação do feriado deixou mercado do boi calmo (08:09)
Contratos futuros do boi finalizam a sessão desta 2ª feira sem grandes movimentações na B3 (08:07)
Média diária exportada de carne bovina in natura teve um aumento de 34,54% frente ao ano passado (08:06)
Milho se movimenta pouco no mercado físico brasileiro (08:05)
Soja: semana começa com foco do produtor nos prêmios diante da pressão do dólar e de Chicago (08:00)
Exportação de soja do Brasil alcança 12,2 mi t no mês e já supera maio de 2019 (07:50)
Segunda-Feira, 25/05
Frigoríficos intensificam medidas em defesa dos trabalhadores (15:48)
Poedeira 051 e destinação de animais mortos são temas da Embrapa Suínos e Aves na Agrotins (10:38)
Poedeira 051 e destinação de animais mortos são temas da Embrapa Suínos e Aves na Agrotins (10:36)
Indústrias da Proteína Animal debatem conjuntura e situação de frigoríficos no RS (10:06)
Milho: com diferentes condições de mercado, preços são distintos dentre as regiões (10:04)
Soja: desvalorização internacional e queda do dólar pressionam valores no BR (10:02)
Investidores ampliam a pressão sobre as companhias do segmento nos EUA (09:47)
Ajustes em frigoríficos vieram para ficar, afirma especialista (09:46)
Milho: vendedor está mais cauteloso com as variações do dólar (09:35)
Vendas de carne ficaram sustentadas pelo abate enxuto (09:34)
Novo webinar da Aviagen aborda nutrição de reprodutoras (09:21)
Milho inicia a semana com leves perdas na B3 (09:04)
Poder de compra do pecuarista frente ao milho caiu 18,1% na comparação anual (08:14)
Preço do suíno subiu nas granjas paulistas (08:12)
Suíno: mercado esfria e cotações ficam, na maioria, estáveis (07:40)
Milho fecha semana de forma lenta no mercado físico (07:38)
Boi Gordo: fim de safra sólido (07:36)
Aurora firma acordo nacional com o MPT para combater Covid-19 nos frigoríficos (07:02)
Empresa alimentícia de Arapongas desmente demissão em massa (07:00)
Milho: confira o que vai influenciar os preços nesta semana (02:57)