Terça-feira, 07 de Julho de 2020
Empresas

CEO da Aviagen explora “Responsabilidade de Alimentar o mundo”, tema da Conferência FACTA 2019
Campinas, SP, 23 de Maio de 2019 - A produção global de alimentos precisará dobrar nas próximas cinco décadas para alimentar nossa população em rápido crescimento. Encontrar uma solução sustentável, com recursos limitados, será um desafio. Palestrando diante de um público de 300 pessoas da indústria avícola brasileira na 36ª Conferência Anual da FACTA, Jan Henriksen, CEO da Aviagen®, compartilhou sua visão sobre o papel da indústria avícola para enfrentar esses desafios. Considerado um dos mais importantes eventos avícolas da indústria avícola brasileira, a conferência foi realizada entre os dias 14 e 16 de Maio na Expo D. Pedro, em Campinas, estado de São Paulo.

Frango – uma solução sutentável

Henriksen afirmou que o frango de corte é a fonte de proteína mais acessível e sustentável nas principais indústrias produtoras de carne do mundo, e sua popularidade segue crescente em todos os níveis socioeconômicos, podendo auxiliar em muitas das atuais preocupações – considerando toda a cadeia produtiva:

Sustentabilidade: com uma pegada de baixo carbono, a produção avícola colabora com o meio ambiente, tornando-se uma solução sustentável. Os avanços genéticos em alimento e eficiência de água fortalecem ainda mais o conceito de sustentabilidade, contribuindo para a preservação da água, uso de terras e custos agrícolas.

Eficiência de produção: os maiores desafios são os recursos limitados em economias emergentes de alto crescimento. A indústria avícola enfrenta esse desafio com tecnologias em granjas inteligentes, que permitem uma maior produção de alimentos com menos recursos. Henriksen citou exemplos como coleta e análise de big data aplicada em melhorias em saúde e bem-estar das aves, e maior precisão na previsão de metas de produção e processamento. Para continuar o desenvolvimento desses métodos e de tecnologias sustentáveis, os líderes avícolas globais devem continuar a trabalhar em estreita colaboração com empresas, organizações não-governamentais e governos, incentivando a indústria a desenvolver novos métodos e tecnologias sustentáveis para alimentar o mundo.

Segurança no Fornecimento: a segurança alimentar e as barreiras comerciais impostas por doenças estão entre os maiores desafios da atualidade – a biossegurança é primordial para a prevenção e para estabelecer padrões rígidos de higiene, juntamente com as granjas inteligentes, que maximizaram nossa capacidade de prevenção a doenças. Henriksen mostrou exemplos de robôs limpando e higienizando granjas, prevenindo ovos de chão e condições que ameacem a saúde, o conforto e a biossegurança das aves. E a tecnologia permite o monitoramento de tudo o que surge próximo às granjas, afastando patógenos. Outra ferramenta sendo utilizada atualmente é a compartimentação, assegurando o fornecimento de material genético. As unidades da Aviagen no Reino Unido, nos Estados Unidos e na Índia já obtiveram essa certificação.

A função do produtor

Muitas das atuais melhorias em produção devem-se a técnicas equilibradas em seleção e melhoramento genético, aplicadas pelas empresas de genética. Henriksen salientou que a seleção genética proporciona melhorias consistentes em fatores como taxa de crescimento, reprodução, eficiência alimentar e viabilidade, bem como saúde e bem-estar animal. Além disso, intensos esforços em pesquisa mostram uma clara visão sobre as condições de nutrição e ambiência, que proporcionam melhor status sanitário e bem-estar das aves, permitindo que as aves expressem o máximo potencial genético. E, é claro, compartilhar o conhecimento adquirido pela nutrição, saúde animal, biossegurança e manejo em toda a cadeia de valor é imperativo.

Um futuro sustentável

Uma das responsabilidades mais importantes da indústria avícola para suportar o seu futuro, de acordo com Henriksen, é atrair jovens qualificados com visão e paixão pelo setor. Uma maneira de atingir esse objetivo é inspirá-los e entusiasmá-los pela produção avícola.

“Para a juventude atual, uma carreira é mais do que apenas um trabalho a ser feito.
Ao invés disso, querem se sentir bem e ter ciência que estão fazendo a diferença para a sociedade. E mostramos a eles as grandes oportunidades em uma ampla variedade de carreiras, não apenas científicas, como veterinários, nutricionistas, incubadores, geneticistas e microbiologistas, mas também em logística, marketing, vendas e finanças, entre outras. Eles precisam saber que podemos proporcionar a eles desafios estimulantes e a satisfação em saber que estão realmente fazendo a diferença no presente e no futuro.”

A importância do Brasil na alimentação do mundo

Henriksen enfatizou a importância do Brasil para o futuro do setor avícola global. Com uma indústria avícola forte e bem estruturada, o Brasil é o maior exportador mundial de carne de frango. A alta especialização em exportação, combinada com a capacidade em atender as necessidades de diferentes mercados em todo o mundo, posiciona o país para apoiar a crescente necessidade global de proteína animal.

“Trabalhando juntos, temos a capacidade de assumir o controle e atender plenamente as demandas globais por alimentos para as gerações futuras, enquanto criamos negócios lucrativos para os avicultores do mundo e preservamos o meio ambiente para nossos filhos e netos. Juntos, podemos moldar o futuro do mundo”, concluiu Henriksen.

Sobre a Aviagen

Desde 1923, a Aviagen® estabeleceu-se como líder mundial em genética de aves, desenvolvendo linhagens para a produção de frangos sob as marcas Arbor Acres®, Indian River® e Ross®. O Rowan Range® e os Machos Especiais® são categorias de produtos especiais que a empresa oferece, possibilitando a seus clientes atingirem as demandas em específicos nichos de mercado. A sede da empresa situa-se em Huntsville, Alabama (Estados Unidos) e a Aviagen detém operações próprias no Reino Unido, Europa, Turquia, América Latina, Índia, Austrália, Nova Zelândia e Estados Unidos, além de joint ventures na Ásia. A Aviagen tem mais de 4.600 colaboradores e uma rede de distribuição global em mais de 100 países.

Mais informações sobre a Aviagen podem ser encontradas em www.aviagen.com.
(Aviagen) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Terça-Feira, 07/07
Teste rápido é inútil para conter a covid-19 dentro de frigoríficos (09:25)
Falha em busca ativa justifica testes de anticorpos, diz MPT (09:23)
Preços mais firmes para o farelo de soja (08:47)
Podcast FACTA: novo episódio será sobre a utilização da tecnologia NIR para análises rápidas e eficientes na alimentação animal (08:02)
Segunda-Feira, 06/07
Hisex apresenta novo gestor da linhagem de poedeiras (17:33)
China suspende exportações de mais duas unidades brasileiras (09:47)
Terceirização em frigoríficos da Alemanha na berlinda (09:45)
Ovos/CEPEA: cotações encerram junho em queda (09:43)
Milho/CEPEA: movimento de alta continua, e indicador se aproxima dos R$50/sc (09:41)
Soja sobe forte nesta 2ª feira (08:28)
JBS recebe aval para reabrir unidade de Passo Fundo após surto de Covid-19 (07:28)
Saúde pública JBS recebe aval para reabrir unidade de Passo Fundo após surto de Covid-19 (07:25)
Sexta-Feira, 03/07
China absorve 10% de toda carne bovina produzida no Brasil (08:46)
Frangos, pintainhos e até ovos: caminhoneiro conta como carrega carga viva (08:44)
Inspeções na China devem atrasar fluxo nos portos (08:43)
Quinta-Feira, 02/07
Suínos: cotações encerram junho em alta (09:35)
Boi: vantagem da carne sobre boi se reduz em junho (09:30)
Milho fecha 1º dia do mês subindo no mercado brasileiro (07:37)
Apesar de safra recorde de soja, país deve fechar ano com menor estoque da história (07:27)
Soja: Brasil fecha semestre com embarques de mais de 63 mi de t, 43% a mais na comparação anual (07:19)
Quarta-Feira, 01/07
Plano Safra 2020/2021 entra em vigor nesta 4ª feira (09:52)
Frigoríficos: Paim quer anular portarias com medidas de prevenção que ele considera ineficazes (09:45)
Surpresa no relatório de área plantada eleva preços de soja e milho em Chicago (08:00)