Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019
Saúde Animal

Marília Rangel deixa Secretaria do The International Poultry Council

Profissional da área de relações internacionais com formação pela Universidade de São Paulo (USP), Marília Rangel levou ao International Poultry Council sua experiência de mais de dez anos de atuação junto ao mercado avícola internacional.
Campinas, SP, 19 de Setembro de 2019 - De acordo com informações divulgadas pelo site WattAgNet, Marília Rangel Campos não atua mais como Secretária-Geral do The International Poultry Council (IPC).

Ainda segundo o site, ela atuará em uma empresa do setor privado, na área de saúde animal. Procurada pelo AviSite, Marília não deu mais informações a respeito.

Marília Rangel foi escolhida em 2015 para liderar a Secretaria-Geral do International Poultry Council (IPC), a mais importante organização da avicultura mundial.



Marília Rangel deixará a Secretaria-Geral do IPC


Entenda o que faz o Secretário do IPC

O Secretário-Geral do IPC é responsável por fazer girar as engrenagens da entidade. É quem faz o contato diário com os associados, quem busca novos membros, organiza as conferências e executa o planejamento estratégico, de acordo com as diretrizes dadas pelo Comitê Executivo, hoje composto por EUA, Brasil, União Europeia, China, Austrália e Canadá. Além disso, a Secretária-Geral coordena o Policy Advisor e a atuação do IPC nos organismos internacionais com os quais temos protocolo de entendimento: OIE, FAO e Codex Alimentarius.


Em um processo de seleção envolvendo 16 candidatos de vários países e após análises curriculares a brasileira Marília Rangel, que também exercia à época o cargo de Coordenadora de Mercado Externo da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), foi escolhida para assumir o cargo de Secretária-geral do International Poultry Council (IPC).

Em uma entrevista exclusiva na ocasião ao AviSite, Marília Rangel afirmou que entre os fatores que levaram o IPC a definir seu nome para o cargo foi o seu profundo conhecimento sobre o IPC e sua participação ativa em atividades desde 2007. “Além da disponibilidade de encarar o desafio de trazer novos associados”, destacou.

Pela Associação Brasileira Proteína Animal (ABPA), ela participou da coordenação de ações internacionais da cadeia exportadora de carne de frango do Brasil, como a abertura dos mercados da Malásia, Paquistão e outros países, com iniciativas de promoção setorial, além da articulação de ações junto à Organização Mundial do Comércio (OMC) e outros órgãos internacionais.

O IPC representa cerca de 85% da produção mundial de carne de aves e um dos desafios de Marília foi o de trazer novos países para a entidade.

A Revista do AviSite e a Revista do Ovo já estão disponíveis! É só acessar!


(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 18/10
Quinta-Feira, 17/10
Ovos: segunda quinzena começa com preços estabilizados (07:19)
Ovo x Milho: em setembro houve perda no poder de compra do avicultor (07:18)
Quarta-Feira, 16/10
Dia mundial da alimentação! (09:31)
Ovos: primeira quinzena de outubro foi a segunda melhor do quinquênio (07:07)
Ovos: mercado começa a sentir os efeitos de um menor giro no produto (07:05)
Terça-Feira, 15/10
Ovos: reposição em ambiente calmo e preços inalterados (06:14)
Ovos: piora participação do preço na granja em relação ao varejo (06:13)
Segunda-Feira, 14/10
Desempenho do ovo, na granja, na 41ª semana de 2019 (07:08)



Últimos Clippings
FACTA promove os cursos Internacional sobre incubação de ovos e Matrizes de Frango de Corte, em Recife (PE)
10 Motivos para Participar do VI Workshop Sindiavipar
AB Vista: OVUM em Lima foi o palco para o lançamento do Signis
Secretaria de Agricultura e Abastecimento incentiva hábitos alimentares práticos e saudáveis
Instituto Ovos Brasil realiza ação em parceria com a Avipe e com o Clube Náutico Capibaribe

Nossos Parceiros
OrffaMSD
vaccinarseifun
Agroceres