Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019
Mercado

Frango, ovo, milho e inflação em março de 2019
Campinas, 15 de Abril de 2019 - Frango vivo, ovo e milho continuam distantes da inflação que o País vem acumulando desde 1994, ano em que foi implantado o atual padrão monetário brasileiro. Mas o que faz jus a uma análise, no momento, é a paridade de preços registrada entre o ovo e o frango a, ainda, dos dois produtos com sua principal matéria-prima, o milho.

Um ano atrás, acumulando então incremento de preço de cerca de 300%, frango vivo e ovo mantinham entre si paridade de preços muito similar à observada em 1994, por ocasião da implantação do real. Mas, então, o milho registrava diferença próxima de 200 pontos percentuais, acumulando preços quase 500% superiores aos de 1994.

Um ano depois a diferença entre milho e frango vivo praticamente desapareceu. Pois em março passado, enquanto os preços do milho experimentaram redução de 3,5% em relação a março de 2018, os do frango vivo acumularam evolução de quase 37%. Assim, na vigência do real, ambos acumulam incremento de preço em torno de 450%.

Em decorrência, se em meados de 1994 uma tonelada de frango adquiriu cerca de 4,7 toneladas de milho, agora este volume ficou próximo de 4,5 toneladas, apenas 4,5% a menos.

Já o ovo enfrenta situação bem diferente – ainda que nos últimos dois meses tenha registrado alguma valorização em relação aos baixíssimos preços de janeiro passado, os menores dos 50 meses encerrados em março passado. Em 1994, quando novo padrão monetário passou a vigorar no País, uma caixa de ovos gerava receita suficiente para adquirir 2,5 sacas de milho (151 quilos do grão). Em março de 2019, quase um quarto de século depois, essa mesma caixa de ovos adquire não mais que 1,6 saca de milho, ou seja, menos de 100 quilos do grão, redução superior a 34%.

(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 18/10
Novo cálculo da inflação: peso de aves e ovos cai menos que o das carnes (06:32)
Quinta-Feira, 17/10
Ovos: segunda quinzena começa com preços estabilizados (07:19)
Ovo x Milho: em setembro houve perda no poder de compra do avicultor (07:18)
Quarta-Feira, 16/10
Dia mundial da alimentação! (09:31)
Ovos: primeira quinzena de outubro foi a segunda melhor do quinquênio (07:07)
Ovos: mercado começa a sentir os efeitos de um menor giro no produto (07:05)
Terça-Feira, 15/10
Ovos: reposição em ambiente calmo e preços inalterados (06:14)
Ovos: piora participação do preço na granja em relação ao varejo (06:13)
Segunda-Feira, 14/10
Desempenho do ovo, na granja, na 41ª semana de 2019 (07:08)



Últimos Clippings
Suíno Vivo: cotação em Minas Gerais tem alta de 2,94%
Alta de preço para o boi e para a carne
Boi: mercado futuro encerra mais uma sessão com valorizações no Brasil
Milho sobe em Chicago nesta 5ª feira
Soja fecha a 5ª feira com leves altas em Chicago

Nossos Parceiros
AgroceresOrffa
MSDvaccinar
seifun