Sábado, 20 de Outubro de 2018
Exportação

México tem no Brasil seu segundo maior fornecedor de ovos
Campinas, 29 de Agosto de 2018 - Mesmo estando colocado entre os cinco maiores produtores mundiais de ovos de consumo, o México (produção prevista para 2018: 3 milhões de toneladas) complementa a demanda interna com importações do produto. É fundamental para atender plenamente uma demanda que, nas projeções locais, anda por volta de 23 kg per capita/ano e continua crescendo.

As compras externas têm correspondido a 2%-3% da produção (ou seja, são relativamente pequenas). E, não só pela proximidade, mas também pelo NAFTA, são cobertas quase que totalmente pelos EUA. Mas o Brasil vem avançando no mercado mexicano.

De acordo com dados levantados pelo Departamento de Agricultura dos EUA (USDA), em 2015 o Brasil exportou para o México 753 toneladas de ovos, volume que caiu a menos da metade em 2016. Mas no ano passado as exportações brasileiras deram significativo salto, pois ultrapassaram 2 mil toneladas, aumentando mais de 500% em relação ao ano anterior.

A expectativa é de que esse incremento se mantenha, algo que no momento deixa dúvidas frente ao novo acordo comercial firmado entre Trump e Obrador, os presidentes dos EUA e do México.

(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sábado, 20/10
Sexta-Feira, 19/10
Quinta-Feira, 18/10
OVOS: situação é crítica mas preços se mantiveram (06:24)
Quarta-Feira, 17/10
Ovos: vendas lentas e preços em queda (06:29)
Terça-Feira, 16/10
OVOS: mercado segue vulnerável pelos excessos existentes (05:56)



Últimos Clippings
Exportadores de aves e de suínos lançam campanha de imagem na União Europeia
FRANGO/CEPEA: menor produção sustenta valor do pintainho em 2018
OVOS/CEPEA: preços iniciam segunda quinzena em forte queda
Fraca demanda pela soja dos EUA derruba preço em Chicago
Por carnes, Brasil faz proposta a Hong Kong

Nossos Parceiros
MSDAgroceres