Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018
Mercado Externo

EUA enfrentam surtos virulentos da Doença de Newcastle
Campinas, 12 de Julho de 2018 - Atendendo chamado dos órgãos oficiais, pequenos criadores de aves da Califórnia (EUA) têm procurado os serviços de saúde animal para relatar a ocorrência de aves doentes e o aumento da mortalidade em seus planteis, problema causado por um surto da Doença de Newcastle caracterizado como virulento (em inglês, VND – Virulent Newcastle Disease, doença que até recentemente os EUA identificavam como Doença de Newcastle Exótica).

No acompanhamento implantado desde o surgimento dos primeiros surtos, na segunda quinzena de maio, o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) relaciona cerca de quatro dezenas de casos, a maioria concentrada no condado de San Bernardino, com extensão para o condado, próximo, de Riverside. Todos os casos detectados envolvem, exclusivamente, galinhas exóticas participantes de exposições.

Na tentativa de deter o avanço da doença, os órgãos de saúde animal têm orientado o setor a intensificar as medidas de biosseguridade e a adotar medidas de higiene relativamente simples – como lavar mãos e calçados antes e depois de adentrar o local de alojamento das aves e limpar e desinfetar profundamente pneus e equipamentos antes de retirá-los da propriedade. E uma vez que o problema está concentrado em aves participantes de mostras avícolas, o USDA recomenda que, ao retornarem dessas mostras, sejam mantidas em isolamento por 30 dias, antes de serem colocadas junto ao restante do plantel.

De acordo com o USDA, a avicultura comercial norte-americana não registra casos do gênero desde 2003. Naquela ocasião, a doença (ainda identificada, em inglês, pela sigla END - Exotic Newcastle Disease) atingiu quatro diferentes estados – além da Califórnia, também Arizona, Texas e Nevada – e ocasionou a perda de cerca de 4,5 milhões de aves. Vide a propósito, entre as notícias do AviSite de 2003, “EUA: The end of the END”.
(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 14/11
Ovos: em outubro a pior relação de preço entre granja e varejo (09:07)
Ovos: mercado calmo e sem alterações (06:39)
Terça-Feira, 13/11
Ovos: desempenho ruim no decorrer do ano (06:21)
Ovos: mercado firme e ajustado (05:51)
Segunda-Feira, 12/11
Ovos: expressivo aumento no encerramento da semana (06:28)
Preço médio semanal da caixa de ovos brancos (06:11)
Sexta-Feira, 09/11
Frango, ovo, milho e inflação em outubro de 2018 (07:03)
Ovos: mercado firme favorece novo aumento aos produtores (06:37)
Quinta-Feira, 08/11
Ovos: evolução diária atual é bem superior ao ano passado (06:18)
Ovos: mercado mais ajustado favorece novo aumento (06:09)



Últimos Clippings
Distribuidor da Vetanco promove Simpósio no NE
Nova ministra terá que lidar com reflexos da Carne Fraca
Programa técnico do Congresso de Ovos 2019 já tem principais temas definidos
CNA protocola no STF pedido de suspensão de multas relativas a fretes
JBS tem resultado operacional recorde, mas fica no vermelho

Nossos Parceiros
MSDAgroceres