Domingo, 22 de Outubro de 2017
Mercado

Preço dos ovos ao produtor evolui melhor que no varejo
Campinas, 18 de Maio de 2017 - Tendo como base o preço médio alcançado no ano passado, acompanhamento efetuado pelo Ovosite indica que em abril e no primeiro quadrimestre, a dúzia de ovos na granja obteve melhor evolução do que no varejo.

Somente no primeiro mês do ano os preços na granja tiveram forte refluxo e o produtor de ovos recebeu 20% menos do que a média alcançada no decorrer do ano anterior. De lá pra cá, houve forte evolução. O varejo, teve queda menor que na granja em janeiro, porém, evoluiu menos nos três meses seguintes.

De toda forma, a evolução do produto na granja permanece bem distante dos altos índices de evolução alcançados no trimestre junho a agosto do ano passado. Já a evolução no varejo está mais próxima dos maiores índices alcançados nos últimos doze meses.

Por ora, os preços médios acumulados na granja e no varejo, indicam retração nos índices de evolução de maio. Mas o varejo tende a obter melhor evolução que a verificada na granja.

(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Domingo, 22/10
Sexta-Feira, 20/10
Cotações dos ovos sofrem novas quedas (08:00)
Quinta-Feira, 19/10
Nova alternativa na desinfecção de ovos férteis (08:40)
Cotação dos ovos sofre o primeiro revés de outubro (08:00)
Ovos: piora participação do produtor em relação ao varejo (08:00)
Quarta-Feira, 18/10
Ovos: preocupação em administrar os estoques (08:00)
Terça-Feira, 17/10
Exportação de ovos comerciais em setembro de 2017 (07:08)
Ovos: mercado ainda sem mudanças significativas (07:07)



Últimos Clippings
Hy-Line do Brasil realiza ações comemorativa à Semana do Ovo
Foco da Kemin na liderança da nutrição animal é destaque mundial
Dália Alimentos participa da Anuga pela 6ª vez
AB Vista anuncia contratação para área técnica
Novacki, do MAPA, comemora investimento espanhol no Rio Grande do Sul

Nossos Parceiros
AdisseoPhileo
AgroceresMSD
PleyadesDeHeus
Boehringer Ingelheim