Mercado

Ovos: em mercado especulado produtores alcançam primeiro reajuste da Quaresma

No encerramento da semana, em clima de muita especulação, os produtores de ovos brancos e vermelhos alcançaram melhores condições de comercialização nos negócios realizados. Nos ovos brancos, o aumento – 1º da semana e do mês, 12º do ano – elevou o preço médio diário da caixa de ovos para R$73,00, valor praticado pela última vez há exatos 20 dias e que, por ora, corresponde a 11% de redução sobre o mesmo período do ano passado. Ou, o equivalente a R$9,00 a menos por caixa. Nos ovos vermelhos o reajuste acompanhou o verificado nos ovos brancos com a diferença se mantendo entre R$12,00 até R$15,00 a mais por caixa e foram comercializados por um mínimo de R$84,00 ao máximo de R$89,00. Segundo a Jox Assessoria Agropecuária a pressão sobre os preços causou estranheza diante de um mercado que se mostrava equilibrado e tendo como pano de fundo um varejo com giro lento e promovendo ações para dar maior vazão à mercadoria. Por outro lado, os produtores ressaltaram uma procura mais ativa que aliado a uma oferta ajustada deu condições necessárias para pressionaram por melhores condições de comercialização. O fato é que, mesmo dividindo opiniões, houve valorização nos preços de referência. O mercado deve abrir a semana em observação sobre as disponibilidades e a demanda existente nesses primeiros dias úteis da segunda quinzena. De toda forma, olhando para a evolução de preços dentro do período quaresmal, o aumento verificado não tem nada de anormal: acompanha a curva do ano passado e, com certo atraso, começa a acompanhar a evolução do último triênio. O único porém é que a base de preço atual é muito inferior à dos anos anteriores.

(AviSite) (Redação)



Visite  www.ovosite.com.br  - O Portal do Ovo na Internet