Mercado

Ovos: mercado espera movimento mais aquecido no curto prazo

É a repetição do acontecido em abril último: o que deveria ser a melhor semana do mês para a comercialização do produto vai chegando ao seu final sem grandes desdobramentos positivos. Ontem, quinta, encerrando o primeiro decêndio do mês, os negócios se mantiveram nas bases dos últimos nove dias: o preço da caixa de ovos brancos brancos variando de R$58,00 ao máximo de R$60,00 e os ovos vermelhos de R$58,00 até o máximo de R$63,00. Segundo a Jox Assessoria Agropecuária, houve crescimento nas vendas do varejo, mas insuficientes para embasar qualquer reação nos preços. O mercado passa a condição de maior equilíbrio e com tendência de movimento mais aquecido no curto prazo. Por ora, as perdas no preço médio acumulado do ovo branco em maio são imensas: 29,1% e 16,6% abaixo do praticado no mesmo período do ano passado e retrasado, respectivamente. E, no acumulado do ano, o preço médio atinge perdas de 17,3% e 7,5% sobre o mesmo período do ano anterior e de 2016, respectivamente. Sem contar a inflação do período ou a forte evolução dos custos de produção. Ou seja, os preços precisam evoluir para contribuir com a manutenção plena das atividades das empresas produtoras de ovos comerciais. VEJA OS DESTAQUES DA EDIÇÃO DE MAIO DA REVISTA DO OVO

(AviSite) (Redação)



Visite  www.ovosite.com.br  - O Portal do Ovo na Internet