Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019
Mercado

Boi: vencimento outubro para 2020 atinge R$ 180,00/@ na Bolsa Brasileira

Valor foi o preço máximo histórico observado pela a B3.
Campinas, SP, 17 de Outubro de 2019 - Na Bolsa Brasileira (B3), as referências para o boi gordo enceraram a sessão de ontem, quarta-feira (16), do lado positivo da tabela. O vencimento de outubro para 2020 alcançou o patamar de R$ 180,00/@, esse valor foi o preço máximo histórico até o momento observado na Bolsa Brasileira.

Os principais vencimentos registraram altas ao redor de 0,15% a 0,72%. O contrato outubro/2019 fechou o dia cotado a R$ 164,25/@, com uma valorização de 0,24%. O vencimento novembro/19 registrou uma alta de 0,15% e terminou cotado a R$ 168,60/@. O dezembro/19 finalizou a sessão com um ganho de 0,41% a R$ 172,20/@. Já o vencimento janeiro/20 teve uma alta de 0,72% e está precificado a R$ 174,50/@.

Segundo a Análise da Informa Economics, a quarta-feira foi marcada negociações esparsa e irregular no mercado físico do boi gordo. “A maior parte da ponta compradora conta com escalas de abate para segunda-feira da próxima semana e, mesmo com necessidade de aumentar suas programações de abate, demonstram resistência em serem mais ativos nas compras de gado em função da forte especulação altista”, informou.

Em seu boletim matinal, a Radar Investimentos destacou que o cenário das programações de abates está heterogêneo, mas de toda forma há bons espaços nas programações da próxima semana a serem preenchidos.

Segundo um levantamento realizado pela a Scot Consultoria, os preços subiram em nove praças pesquisadas pela a empresa. Em São Paulo, foi onde as referências de todas as categorias aumentaram. “Para o boi gordo, a referência paulista subiu R$0,50/@ na comparação dia a dia e a arroba está cotada em R$162,00, à vista, livre de Funrural. Destaca-se que existem ofertas de R$3,00 a R$4,00 por arroba acima desta referência para bovinos que atendam os atributos requisitados pelos importadores chineses”, apontou na análise de mercado.

No aplicativo da AgroBrazil, foram observados negócios na região de Iturama/MG ao redor de R$ 162,00/@, á prazo com trinta dias para o pagamento. No município de Taquarussu/MS, houve negócios em torno de R$ 162,00/@, a prazo com trinta dias, para o animal destinado a exportação.

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, o analista de mercado da Cross Investimentos, Caio Junqueira, que ofertas acima das referências são para animais que tem o padrão exportação para a China. “Nem todos os frigoríficos estão conseguindo pagar por esses valores, para isso o animal tem que ter dentição, idade e documentação e a indústria também precisa estar habilitada a exportar”, afirma.

Com relação ao mercado atacado, o aplicativo AgroBrazil informou que as referências em são Paulo para o boi casado está ao redor de R$ 11,00/kg. Já a vaca em São Paulo, está cotada ao redor de R$ 10,56/kg.
(Notícias Agrícolas) (Andressa Simão)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 15/11
Quinta-Feira, 14/11
Guerra comercial entre EUA e China pode beneficiar o Brasil, dizem especialistas (17:07)
Boi: arroba e carne no atacado atingem patamares recordes (12:17)
A empresa de 65.000 famílias que concorre com BRF e JBS (11:24)
China suspende proibição de importação de carne de aves dos EUA (10:43)
China habilita terceirizado da BRF (10:18)
Milho será fiel da balança para colheita recorde de grãos (10:03)
JBS tem lucro líquido no 3tri19 de R$ 356,7 milhões, revertendo prejuízo (09:45)
ABPA e Apex-Brasil promovem ação em evento de autoridades sanitárias da China (09:42)
China habilita terceirizado da BRF (09:18)
Milho será fiel da balança para colheita recorde de grãos (09:04)
Frango: com maior liquidez, preço da asa atinge recorde (08:30)
Suínos: valor do leitão é recorde nominal (08:20)
Soja tem 5ª feira de pouca movimentação na Bolsa de Chicago, buscando direção (08:10)
Milho perde força em Chicago e reverte ganhos (07:39)
Soja: demanda interna paga melhor que a exportação na safra velha (07:38)
Quarta-Feira, 13/11
Investindo na avicultura latino-americana, Vaccinar patrocina VI Workshop Sindiavipar e apresenta palestra sobre performance reprodutiva de galos (14:39)
BRF avalia aquisições na Turquia para aumentar produção local (11:39)
Soja: mercado em Chicago se mantém inerte nesta 4ª feira (09:22)
Conab prevê novo recorde para safra brasileira de grãos com 246 milhões de t (08:23)
Ministra defende uso de tecnologia na agropecuária brasileira para ampliar mercado. (08:18)
Resultados comprovados impulsionam as vendas da Oceana para premixeiras, cooperativas e fábricas de rações (08:05)
Frango: mercado atacado fecha terça-feira com alta de 3,81% (07:59)
Suínos: boas notícias para o setor aquecem cotações (07:57)
Com maior oferta e consumo em queda, preços da carne suína recuam na China (07:56)
USDA: colheita da soja e do milho ficam ligeiramente acima do esperado nos EUA (07:53)
Milho: preços sobem mais de 1% na B3 e mais de 3% no interior do Brasil nesta 3ª feira (07:51)
Soja precisa de notícias fortes sobre a demanda da China para se recuperar em Chicago e formar preços melhores no BR (07:49)
Novo leilão da CONAB oferta 50 mil toneladas de milho a criadores (07:07)
Terça-Feira, 12/11
Mais 13 frigoríficos brasileiros podem exportar carne para a China (15:54)
Abate de bovinos cresce 4% no 3º tri, diz IBGE; China impulsiona carnes do Brasil (14:32)
ABPA comemora novas habilitações de frigoríficos de aves e suínos (13:23)
Em 10 meses, exportações catarinenses de carne suína superam o faturamento de 2018 (13:21)
Milho: área plantada no verão deve crescer de 2% a 4% em 2019/20, prevê Abramilho (12:00)
Habilitação de frigoríficos é sinal de maior aproximação com árabes, diz executivo (08:03)
Arábia Saudita habilita oito novos frigoríficos brasileiros para exportação de carne bovina (06:05)
Emirados compram 175% mais carne bovina do Brasil (06:02)
Frango: alta apenas no atacado marca começo da semana com cotações mornas em demais setores (05:54)
Suínos: mercado fecha sem variação nesta segunda-feira (05:52)
Boi Gordo: poucos negócios nesta segunda feira (05:50)
Boi: mercado físico abre a semana com forte especulação altista (05:49)
Milho: Bolsa de Chicago encerra sessão com baixas nesta 2ª feira (05:46)
Soja: pessimismo sobre acordo China x EUA se intensifica e Chicago tem mais de 14 pts de baixa (05:43)
Soja: pessimismo sobre acordo China x EUA se intensifica e Chicago tem mais de 14 pts de baixa (05:43)
Segunda-Feira, 11/11
Encontre o time da APC no CBNA 2019 (11:45)
Exportações do agronegócio são recordes, mas faturamento externo cai (11:39)
Milho: demanda interna aumenta e impulsiona cotações (10:49)
Soja: grão se valoriza e indústria reduz processamento (10:47)
Vetanco Brasil reforça sua equipe técnica (10:29)
Soja começa semana operando em baixa na Bolsa de Chicago de olho na guerra comercial (10:18)
Ovos: exportações aumentam; no Brasil, pressão compradora limita altas (09:39)
Mercado de frango encerra a sexta-feira sem alterações expressivas (08:15)
Na B3, vencimento Dezembro/19 para o boi gordo encerra a 6ª feira a R$ 194,50/@ (08:05)
Receita das exportações de carne suína cresce 38,4% em outubro (08:00)
Milho sobe em Chicago na 6ªfeira após USDA reduzir safra, produtividade e exportações (07:36)
UFRA-PA abre processo para contratação de professores substitutos (02:46)