Sábado, 16 de Fevereiro de 2019
Produção

Frigoríficos ainda esperam boa disponibilidade de animais no ano que vem
São Paulo, 13 de Novembro de 2018 -

Ainda que alguns analistas do mercado acreditem em uma queda na oferta de boi gordo em 2019, os principais frigoríficos brasileiros apostam que o ciclo da pecuária seguirá favorável.

"O impacto da retenção de fêmeas só vai ser sentido em 2020", diz a gerente-executiva de inteligência de negócios da Minerva Foods, Marcela Moura. Segundo ela, 2019 deve ser um ano de oferta de gado bovino tão boa quanto a deste ano.

A gerente da Minerva, que é a terceira maior empresa de carne bovina do país, argumenta que o último ciclo favorável aos frigoríficos apresentou uma taxa anual elevada de vacas abatidas. "Foram três anos acima de 45%", afirma, em alusão ao período de 2012 e 2014. Diante disso, Marcela avalia que ainda há espaço para o descarte de vacas em 2019, o que seria positivo para a indústria.

De acordo com a executiva, a margem da criação de bezerros ainda não reagiu o suficiente para impedir o descarte de vacas. "A margem da cria atingiu o nível mais baixo em setembro de 2018", afirma. Embora admita que a margem dos frigoríficos está distante dos períodos áureos do ciclo pecuário, César Castro Alves, analista da MB Agro, também aposta em mais um ano de grande disponibilidade de bois. "Acho que ainda tem mais oferta pela frente".

Na Marfrig Global Foods, segunda maior produtora de carne bovina do país, os principais executivos também não esboçam preocupação com a oferta de gado em 2019. Em tese, a empresa seria uma das mais prejudicadas, ne medida em que expandiu a capacidade de abates no Brasil em 75% desde o último ano, por meio da reabertura de unidades. Em entrevista ao Valor na sema passada, o CEO da companhia, Eduardo Miron, disse que a utilização da capacidade instalada no Brasil está "um pouco acima" de 80%.

"Não estamos preocupados com reversão de ciclo neste momento. Acho que mesmo com todo esse crescimento de abates, você vê que o preço [do gado] não teve uma variação significativa", afirmou, reconhecendo a dificuldade para detectar o momento exato de reversão do ciclo da pecuária. "Gostaria de ter esse número mágico", disse.

(Valor Econômico) (Luiz Henrique Mendes)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sábado, 16/02
Sexta-Feira, 15/02
Frango: Cepea aponta que poder de compra vem registrando mais um mês de queda (09:32)
Ovos: preços de fevereiro são os maiores desde junho/2018, destaca Cepea (09:30)
China anuncia tarifas de até 32,4% ao frango brasileiro por 5 anos (08:21)
Para cobrir rombo, Estados elevam tributação sobre agronegócio (08:11)
Suíno Vivo: altas em SP, PR, MG e GO (08:08)
Boi Gordo: mercado em ritmo lento (08:06)
Boi Gordo: volume de animais abatidos no BR se eleva em 2018 (08:05)
Milho: mercado estável (08:04)
Soja: preços registram alta (08:00)
MSD Saúde Animal patrocina Congresso de Ovos e debate complexo respiratório em espaço empresarial (07:43)
Quinta-Feira, 14/02
Mercado será foco dos debates na abertura do Simpósio Brasil Sul de Avicultura (13:52)
2ª Conbrasul Ovos abre período de inscrições online (13:38)
Indústria de alimentos prevê avanço de até 4% (09:34)
Etanol de milho avança (09:32)
Nova regra incentiva emissão de letras de crédito do agronegócio (08:50)
Pilgrim’s Pride registra prejuízo de US$ 8,2 milhões no 4º trimestre (08:40)
Recall da BRF expõe falha e transparência (08:38)
IOB segue sua campanha em São Paulo (08:26)
Vetanco homenageia Cooperitaipu (08:22)
Suíno Vivo: estabilidade nas cotações (08:16)
Boi: em SP, preço da arroba está estável (08:12)
Milho: estabilidade domina o dia (08:05)
Preços da soja sobem no Brasil nesta 4ª feira (08:00)
Quarta-Feira, 13/02
VAXXITEK® já imunizou 100 bilhões de aves contra Marek e Gumboro (11:53)
Santa Catarina começa o ano com alta nas exportações de carnes (11:23)
Por salmonela, BRF faz recall de lotes de frango no Brasil e exterior (08:22)
Exportações do agronegócio sobem 6% em 12 meses e somam US$ 102,14 bilhões (08:07)
Suíno Vivo: alta de 5,12% em SC (08:05)
Boi gordo: oferta restrita dificulta a compra pelos frigoríficos (08:03)
Mercado Interno do milho permanece estável (08:00)
Brasil proíbe uso de antibióticos promotores de crescimento (07:51)
Clima adverso faz Conab e IBGE reduzirem projeções para safra (07:50)
SP: produção de grãos deve superar sete milhões de toneladas (07:49)
Terça-Feira, 12/02
IBGE: Cai o abate de frangos, sobe o de bovinos e suínos (10:51)
Prêmio Lamas de pesquisa avícola está com inscrições abertas (08:22)
NUCLEOVET faz evento de lançamento dos Simpósios 2019 em Chapecó (08:20)
Suíno Vivo: alta de 2,94% no PR (08:09)
Mercado do boi gordo retoma fôlego (08:06)
Mercado interno do milho apresenta pouca movimentação (08:04)
Produção de soja poderá ser a menor em três anos (08:02)
Preços da soja no Brasil apresentam poucas mudanças (08:00)
Por que ainda não sou vegetariano (07:57)
Após suspensão, exportadores de frango do Brasil vão a Riad (07:56)
No centro de inovação da BRF, um olhar sobre o futuro da embalagem (07:55)