Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019
Empresas

PF indicia Abilio Diniz e Pedro Faria no âmbito da Operação Trapaça
São Paulo, SP, 16 de Outubro de 2018 - Os empresários Abilio Diniz, ex-presidente do conselho de administração da BRF, e Pedro Faria, ex-CEO global da empresa, foram indiciados pela Polícia Federal no relatório final da Operação Trapaça, investigação que apura fraudes que teriam sido cometidas por funcionários e executivos da companhia de alimentos. O atual vice-presidente internacional da BRF, Simon Cheng, também foi indiciado. Ao todo, a PF indiciou 43 pessoas.

O indiciamento não significa culpa, mas apenas que a autoridade policial acredita haver indícios de crime. Portanto, os indiciados são formalmente suspeitos. Após o relatório da Polícia Federal, cabe ao Ministério Público Federal (MPF) avaliar o documento e apresentar ou não uma denúncia formal à Justiça contra os suspeitos.

No caso de Abilio Diniz, a PF suspeita dos crimes de estelionato e contra a saúde pública e falsidade ideológica. Faria também foi considerado suspeito pelos mesmos crimes. Ambos são suspeitos de participarem de uma "organização criminosa", segundo a PF.

Ex-executivos do alto escalão da BRF, José Roberto Rodrigues, Marcos Jank, Fabrício Delgado e Hélio Rubens Mendes dos Santos Junior estão entre os indiciados. O presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o ex-ministro da Agricultura Francisco Turra, também está na lista.

Entre os crimes investigados estão fraudes em testes sobre a presença de salmonela em carne de frango destinada à exportação.

Procurado, Abilio afirmou em nota. que que “não cometeu nenhuma irregularidade como Presidente do Conselho de Administração da BRF. No relatório apresentado pela Polícia Federal, não existem elementos que demonstrem irregularidades”

Também em comunicado, Faria afirmou que “jamais houve qualquer determinação da diretoria do Grupo BRF, muito menos de Pedro Faria, no sentido de acobertar quaisquer eventuais desconformidades relativas ao processo produtivo da companhia”.

De acordo com Faria, sua gestão foi marcada pelos esforços em ampliar o rigor no controle sanitário. O executivo ressaltou que, “se falhas houve, estas jamais contaram com a anuência da administração da BRF, razão pela qual causa surpresa a conclusão a que chegou a Polícia Federal, totalmente discrepante daquilo que foi demonstrado no curso do inquérito”.

A ABPA, em nota, defendeu sua atuação junto ao Ministério da Agricultura.“[...] como entidade representativa da avicultura e da suinocultura do País, atua dentro dos limites estabelecidos pela Lei, e refuta as menções feitas pela Polícia Federal à sua atuação. Como representação setorial, é dever da ABPA defender os interesses do setor produtivo dentro dos limites legais”.

(Valor) (Redação)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 23/01
Terça-Feira, 22/01
Arábia Saudita descredencia 33 unidades de carne de frango do Brasil que podem exportar ao país (16:26)
Arábia Saudita barra carne de frango de cinco frigoríficos brasileiros (13:18)
2019: Sindirações abre o calendário de cursos (08:27)
Movimento Frete sem Tabela critica reajustes divulgados pela ANTT (08:08)
Futuro de fiscais da Carne Fraca segue incerto (08:04)
Auster retoma plano para avançar no país (07:50)
Ovos produzidos em Pernambuco ganharão código na casca para garantir qualidade (07:47)
China aceita oferta de exportador de frango do Brasil para encerrar caso antidumping (07:46)
Mercado do boi apresenta baixa movimentação (07:40)
Milho: mercado interno registra estabilidade (07:35)
Soja: poucas variações nos preços com falta da referência de Chicago (07:30)
Segunda-Feira, 21/01
Dia de Campo da Copagril evidencia a força do cooperativismo (09:42)
China diz ter controlado surto de peste suína africana (08:47)
EUA e China negociam reabertura do mercado de frango (08:26)
China poderá reabrir seu mercado à carne de frango americana (08:26)
Exportações do agro em alta de quase 6% ultrapassam US$ 100 bilhões (08:11)
Custos de produção de frangos de corte subiram 14,21% em 2018 (08:07)
Guia Eletrônico de Nutrição Rhodimet®agora também está disponível para uso em smartphones (08:04)
MILHO/CEPEA: colheita da safra de verão se inicia no Brasil (08:02)
SOJA/CEPEA: preços internos, FOB e prêmios recuam com menor demanda internacional (08:01)
Milho: semana se encerrou com preços em alta na Bolsa de Chicago (08:00)
Sexta-Feira, 18/01
FRANGO/CEPEA: desaquecimento de negócios pressiona valores da carne (09:51)
OVOS/CEPEA: poder de compra do avicultor inicia 2019 em queda (09:50)
Milho: produtor de MT revê planos para safrinha (09:45)
Porto de Itajaí fecha o ano com melhor resultado desde 2011 (09:23)
Estudo sugere 'dieta universal' para salvar o planeta (09:22)
Ministério remove 'blindagem' de superintendências estaduais (08:22)
Boi Gordo: oferta regulada à demanda (08:09)
Milho: quinta-feira chega ao fim com preços em alta de até 6 pontos na Bolsa de Chicago (08:05)
Soja fecha a 5ª feira com altas de mais de 13 pts em Chicago com correção técnica e olhos no Brasil (08:00)
Quinta-Feira, 17/01
SUÍNOS/CEPEA: média do vivo é a menor para janeiro desde 2007 (11:06)
BOI/CEPEA: bom planejamento pode garantir margens positivas no fim de 2019 (11:03)
Balança Comercial Paulista registra superávit de US$ 11,49 bilhões, aponta IEA (11:02)
2ª Conbrasul Ovos 2019 vai reunir lideranças da avicultura de postura nacional e internacional de 16 a 19 de junho (09:28)
Presidente da ABPA se reúne governador Eduardo Leite (09:05)
Ministério tenta reabrir UE a carnes e pescados (08:28)
Milho: Bolsa de Chicago mantem tendência ao longo do dia e encerra quarta-feira em alta (08:23)
Carrefour vai monitorar fornecedores de carne por câmeras na França (08:20)
Fiscais Agropecuários gaúchos passarão por capacitação em inspeção (08:05)
STF abre investigação contra políticos na Operação Carne Fraca (08:02)
Três laboratórios têm selo Inmetro cancelado após descobertas da Operação Trapaça (08:00)
Cotação do boi gordo estável em São Paulo e frouxa em Mato Grosso do Sul (07:30)
Em mais um dia vazio de informações, soja fecha estável em Chicago nesta 4ª feira (07:18)