Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
Empresas

Wisium lança aplicativo que ajuda empresas do setor avícola melhorarem rentabilidade

Com Aniprev, que será apresentado ao mercado no Avicultor 2018, clientes da marca global da Neovia poderão comparar dados com curvas de referência, entre outras funções
São Paulo, SP, 15 de Junho de 2018 - Um moderno aplicativo de gerenciamento, em tempo real, da performance dos lotes da granja. Com ele, é possível analisar o desempenho das aves, além de verificar ou indicar, por exemplo, o momento ideal para o fornecimento de um determinado aditivo. Esses são alguns dos diferenciais do Aniprev, que será lançado pela Wisium, marca global da Neovia com foco em aditivos, premixes e serviços, durante o Avicultor 2018, evento que reunirá, no dia 21 de junho, em Belo Horizonte, empresas, consumidores e pesquisadores do setor avícola.

Raquel Andrade, gerente de produtos de Aves da Wisium, explica que o Aniprev pode ser acessado por dispositivos móveis e também por computadores conectados à Internet. “De uma forma simples e rápida, nossos clientes poderão comparar dados com curvas de referência e compartilhar informações e fotos com veterinários e técnicos, entre diversas outras funcionalidades que ajudarão diretamente na tomada de decisões e em uma maior rentabilidade”, acrescenta.

A gerente de produtos de Aves da Wisium destaca que o lançamento do Aniprev durante o Avicultor 2018 será estratégico. “Minas Gerais tem destaque no cenário da avicultura nacional e a Wisium, ano a ano, aumenta a sua participação neste Estado, impulsionada pelo constante fortalecimento de nossa equipe e também pelos ótimos resultados obtidos em empresas de frango de corte e postura”.

Aditivos – No Avicultor 2018, a Wisium também destacará os diferenciais dos aditivos B-SAFE® e T5X®, cada vez mais utilizados por empresas do setor avícola. De acordo com Alexandre Pereira, gerente de produtos de Aditivos da Wisium, o B-SAFE®, que tem tecnologia exclusiva e inovadora, promove uma série de benefícios para as aves e é um grande aliado da segurança alimentar. “Este aditivo atua na microflora intestinal, controlando bactérias patogênicas, preservando as bactérias benéficas e favorecendo a saúde intestinal das aves”.

Já o T5X®, explica o gerente de produtos de Aditivos da Wisium, é um adsorvente de micotoxinas com tecnologia única que permite a biotransformação de micotoxinas. “O T5X® estimula as aves a produzirem enzimas próprias para eliminar todas as famílias de micotoxinas”.


Sobre a Wisium

A Wisium é uma das 4 maiores marcas de premix do mundo, com presença em mais de 50 países e 11 centros de pesquisa & desenvolvimento em nutrição próprios. A marca adota o “Espírito Wisium”, que propõe a construção de soluções em produtos e serviços de forma colaborativa, sugerindo, ouvindo e acompanhando os clientes.

Sobre a Neovia

Uma das empresas líderes globais de nutrição animal, a Neovia tem faturamento anual global da ordem de 1,7 bilhão de euros. No mundo, a empresa conta com 8.300 colabores, 75 sites de produção e 11 centros de nutrição. No Brasil, a empresa tem faturamento de R$ 1,7 bilhão por ano, 13 sites de produção, 2.600 funcionários e 3 centros de nutrição.

Contato Wisium:
contato@br.wisium.com
www.wisium.com
(Wisium) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 24/09
Sexta-Feira, 21/09
Siemens cria centro de competências de carnes no Brasil (08:58)
Rabobank: volatilidade associada ao Brasil é desafio para o mercado global (08:46)
Açúcar leva Brasil a acionar China na OMC (08:46)
Quinta-Feira, 20/09
Gestão de estoques se torna prioridade de Pedro Parente na BRF (11:48)
Só falta o aval da Casa Civil para pesquisador assumir a presidência da Embrapa (11:43)
Multinacional De Heus finca base de logística de carne em Caruaru (11:08)
Alterion ganha prêmio Innovspace (10:58)
BRF enfrenta crescente competição por milho com indústria de etanol (08:48)
Quarta-Feira, 19/09
Indústria vê queda na produção de ração no Brasil no 1º semestre e perspectiva negativa (10:26)
Idoso de 111 anos ‘ensina’ como viver muito e com saúde (09:52)
Arroz e feijão estão entre os alimentos mais desperdiçados no Brasil (09:49)
BRF está pronta para voltar aos “velhos tempos” (09:22)
Embrapa seguirá sob comando de pesquisador (08:56)
Soja: recuo em Chicago pesa sobre preços nos portos do BR, mas dólar e prêmios limitam baixa (07:59)
Simpósio de avicultura discutirá qualidade na produção de matrizes (07:58)
Brasil reforça vigilância para barrar eventual ingresso da peste suína africana (07:56)
Plantio da soja no Paraná atinge 9% da área e colheita do milho bate em 99% (07:13)
Sem oferta, mercado do boi gordo registra alta em São Paulo (07:12)
China está redirecionando investimentos dos EUA para a Europa (07:11)
Milho: focado na colheita nos EUA, mercado recua pelo segundo dia consecutivo na Bolsa de Chicago (07:00)
Terça-Feira, 18/09
Semana do Ovo 2018 conta com patrocínio da Label Rouge (13:43)
Wisium reforça presença no Nordeste (13:36)
Com Brexit, Europa se prepara para nova logística de importação (09:11)
VIII CLANA anuncia tema "Nutrição Animal e Produção Sustentável de Alimentos" (09:06)
Florence faz Sanderson Farms perder 1,7 milhão de frangos (08:41)
Porto de Roterdã mantém o rigor na fiscalização de carnes do Brasil (08:37)
Governo reduz novamente orçamento para o seguro rural (08:25)
Tabela de frete provoca aumento nas importações brasileiras de cereais (08:23)
Surto de febre suína na China favorece criadores de frango (08:20)
Milho: em Chicago, mercado fecha pregão desta 2ª em campo negativo de olho na colheita nos EUA (08:18)
Soja tem novo dia de baixas em Chicago nesta 3ª ainda sentindo pressão da disputa EUA x China (08:07)