Quarta-feira, 17 de Outubro de 2018
Empresas

BRF está fazendo “o possível e o impossível” para não fechar fábricas
Brasília, DF, 13 de Junho de 2018 - O vice-presidente interino responsável pela área de relações institucionais da BRF, Jorge Luiz de Lima, admitiu ter grande preocupação com o embargo da União Europeia aos frigoríficos da empresa. Em audiência realizada hoje na Comissão de Agricultura do Senado, o executivo disse que a BRF está fazendo o “possível e o impossível” para não fechar fábricas. “A BRF tem feito esforço enorme para evitar fechamento”, afirmou Lima.

De acordo com o executivo, a BRF acabou de finalizar um estudo em suas plantas em Goiás e decidiu que vai desativar a linha de produção de carne de perus na cidade de Mineiros.

A decisão vai provocar uma redução da oferta de peru e limitar a utilização de capacidade em Mineiros a 65%, disse ele. Para amenizar o impacto do encerramento da produção de peru na unidade, a BRF tentará aproveitar parte do quadro de funcionários da unidade goiana. Ele também assegurou que cumprirá os contratos com os produtores integrados que o forneciam peru para a unidade goiana.

“Não temos mais capacidade de exportação de perus em Mineiros, mas não há a menor possibilidade de a BRF não cumprir contrato com os integrados na região”, afirmou. A União Europeia, que vetou a BRF, era o principal destino das vendas de carne de peru.

Por outro lado, a BRF retomará a produção no abatedouro de aves de Rio Verde (GO). Os funcionários dessa unidade entrou em férias coletivas no mês passado como parte da estratégia da companhia, ajustar os estoques em razão do embargo do bloco europeu.

Os dois frigoríficos citados pelo executivo (Mineiros e Rio Verde) foram alvo da Operação Trapaça, deflagrada em 5 de março pela Polícia Federal (PR). Nessa fase, a PF investiga um suposto esquema de fraudes envolvendo a BRF e laboratórios na análise da bactéria salmonela em lotes de carne de frango para exportação. A suspeitas que vieram à tona motivaram o embargo da União Europeia contra a BRF.

Durante um discurso duro no Senado, Lima afirmou que a empresa tem sofrido com uma série de barreiras, como o embargo europeu e, mais recentemente, o anúncio da aplicação de tarifas antidumping pela China contra o frango brasileiro. “Estamos sob pressão. A China está forçando a gente a negociar preços, e na Europa é nítido o movimento da França e da Irlanda”, disse o vice-presidente da BRF, que é a maior exportadora global de frango “É um momento difícil e complicado”, completou.

A audiência foi solicitada pela senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) para tratar dos impactos da crise da BRF em Goiás. Produtores integrados da BRF e sindicalistas da região acompanharam a audiência.

(Valor) (Cristiano Zaia)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 17/10
Em Goiás, IOB prepara série de ações em parceria com a Associação Goiana de Avicultura (13:52)
Em MG, NECTA realiza 1º Dia do Ovo, com apoio do IOB (08:20)
Movimentação do Porto de Itajaí aumenta 81% em setembro (06:33)
Road Show Aves e Suínos da Boehringer fortalece a cadeia de proteína animal com conhecimento técnico (06:32)
Para ampliar exportação, setor de aves e de suínos vai à feira em Paris (06:31)
Importações chinesas de carne suína devem crescer 8% neste ano (06:10)
Soja: com previsão de melhora do clima nos EUA, mercado em Chicago ainda opera estável nesta 4ª (06:00)
Terça-Feira, 16/10
Da ABPA aos candidatos (09:18)
PF indicia Abilio Diniz e Pedro Faria no âmbito da Operação Trapaça (07:49)
Após relatório da PF, BRF defende tolerância zero e afasta 14 pessoas (07:48)
Milho fecha em alta na Bolsa de Chicago nesta 2a feira com clima adverso para colheita nos EUA (07:44)
Com demanda forte e clima adverso no Corn Belt, soja fecha com mais de 2%de alta em Chicago (07:40)
Plantio de soja evolui em ritmo acelerado em quase todo o país (07:39)
Brasil ganha mercado de soja na China, mas perde espaço para EUA na Europa (07:31)
MILHO/CEPEA: indicador recua quase 6% no acumulado do mês (07:30)
SOJA/CEPEA: dólar cai e pressiona valores internos da soja (07:29)
Segunda-Feira, 15/10
CBNA debate nutrição animal e produção sustentável de alimentos a partir de amanhã, no VIII CLANA, em Campinas, SP (13:29)
Programa Ovos RS: Atividades e Eventos (10:57)
Vetanco realiza Oficina de Trabalho em Carpina-PE (10:35)
Conheça a campanha Ovo Capixaba (10:32)
Da ABPA aos candidatos (09:19)
Agronegócio teme radicalismo e falta de experiência em equipe de Bolsonaro (08:15)
FRANGO/CEPEA: preços registram alta no atacado paulista (08:11)
SUÍNO/CEPEA: menor oferta para abate mantém preços estáveis na maior parte das regiões (08:07)
BOI/CEPEA: indicador oscila com força, mas acumula queda na parcial deste mês (08:05)
Projeções confirmam o peso do Brasil nas exportações de grãos (08:05)
Milho: mercado em Chicago ainda sente efeitos positivos do USDA e fecha em alta nesta 6ª feira (08:02)
Soja começa semana com estabilidade em Chicago nesta 2ª feira e foca colheita nos EUA (08:00)
Sexta-Feira, 12/10
Quinta-Feira, 11/10
Programa Ovos RS: eventos em Comemoração ao Dia Mundial do Ovo 2018 (11:56)
Globalmente, pescados batem carnes nas exportações (10:50)
Brasil poderá colher até 238 milhões de toneladas de grãos na safra 2018/19 (10:34)
ASGAV e Programa Ovos RS oficializam parceria com o Instituto do Câncer Infantil para apoio à 25ª Corrida pela Vida (09:29)
Programa Ovos RS: eventos em Comemoração ao Dia Mundial do Ovo 2018 (09:03)
Tradicional omelete do IOB faz parada na DSM (08:41)
Ceva Saúde Animal recebe palestra de nutricionista do IOB na Semana do Ovo (07:43)
Agronegócio: em setembro, vendas externas do setor somam mais de US$ 8 bilhões (07:36)
Participação maior do agro exterior passa por viés mais comercial do governo (07:34)
Milho: mercado fecha em queda na Bolsa de Chicago especulando números mais altos do USDA (07:31)
Soja: preços voltam a cair no Brasil nesta 5ª feira e travam ainda mais negócios da nova safra (07:29)