Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
Política Agrícola

CNA e entidades discutem as grandes questões do agro
Chapecó, SC, 23 de Fevereiro de 2018 - As principais questões que afetam a agricultura sul brasileira foram abordadas em encontro da diretoria da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) com uma centena de lideranças e dirigentes de entidades de defesa e representação do setor primário da economia. A reunião, realizada nesta quinta-feira (22), em Florianópolis, foi coordenado pelo presidente da CNA João Martins e pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc) José Zeferino Pedrozo. A pauta de temas em análise foi variada e extensa.

Martins disse que o País vai colher uma grande safra, mas o produtor rural não tem previsão de bons ganhos. Mencionou que o próprio crédito rural tornou-se pesado pois, enquanto a taxa Selic está fixada em 6,5%, o produtor toma empréstimos a taxa de 8,5%.
Muitas entidades entregaram documentos fundamentando as condições setoriais de produção e comercialização, como as associações de arrozeiros, de criadores de suínos e de produtores de maçã.

A situação do leite é uma preocupação dos três Estados do Sul. O consumo está em movimento descendente e o produtor rural trabalha com prejuízos há vários meses. A atuação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) foi muito criticada em razão das dificuldades criadas para a exportação de carnes.
As indústrias que processam e exportam carnes de frango, suínos e peixe tiveram plantas industriais desabilitadas, em dezembro, pelo Ministério e foram obrigadas a suspender os embarques.

Dessa forma, essa produção passou a ser direcionada no mercado interno, provocando queda de preços finais no varejo - com prejuízos para a agroindústria e os produtores rurais. Preços de coxa e sobrecoxa de frango a R$ 2,50 e de carne bovina a R$ 8,00 sinalizam uma crise sem precedentes para o setor, de acordo com o presidente da Faesc José Zeferino Pedrozo e vice-presidente Enori Barbieri.

A situação do mercado de arroz, que vive um período de excesso de oferta e queda de consumo, foi levantada pelo presidente da Farsul Gedeão Silveira Pereira. O valor praticado no mercado está abaixo do preço mínimo e dos custos de produção. "A única solução é a retirada do excesso de arroz do mercado brasileiro, estimulando a exportação”, apontou o dirigente. Pelo menos 1,2 milhão de toneladas de arroz precisam ser exportadas para equilibrar o mercado.

A CNA vai desenvolver um programa de promoção das negociações comerciais do Brasil no exterior, com foco na Ásia, um dos mercados mais promissores. O objetivo é facilitar as negociações, remover barreiras e reduzir as tarifas.
As lideranças também manifestaram preocupação com a necessidade de mais investimentos na infraestrutura de rodovias, portos, etc, para reduzir os custos de escoamento das safras.

Segurança no campo também esteve na pauta. O furto de gado, máquinas e equipamentos, assaltos e assassinatos no meio rural foram relatados pelos dirigentes sindicais. Vários deputados estaduais participaram do encontro, ao lado do deputado federal Valdir Colatto.
(Secr. de Estado da Agr. e da Pesca (SC)) (Assessoria de Imprensa )
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 17/12
Sexta-Feira, 14/12
Encontro de Qualidade Industrial recebe patrocínio e palestra da Cobb-Vantress (16:04)
Sindirações projeta crescimento de até 3% para 2019 (14:37)
FRANGO/CEPEA: abate avança no terceiro trimestre (10:15)
OVOS/CEPEA: maior produção impacta negativamente o setor em 2018 (09:59)
Inscrições abertas para os Trabalhos Científicos na 5ª FAVESU (09:57)
Venda de frango a árabes cai, mas pode voltar a crescer (08:11)
Volume de aves e suínos será menor neste ano, aponta a ABPA (08:07)
Produção de ração no Brasil cresce 0,6% e tem novo recorde em 2018 (08:06)
2ª Conbrasul Ovos 2019: Gramado será a capital internacional da avicultura de postura de 16 a 19 de junho (08:04)
Programa técnico do Congresso de Ovos já tem principais temas definidos (08:03)
Quinta-Feira, 13/12
_produção de ovos de galinha é a maior da série histórica (11:04)
Abate de frangos em agosto foi o segundo maior do ano (11:03)
Já começa a faltar crédito rural a juros controlados (09:17)
IBGE confirma avanço em abates de bovinos e suínos, e queda no frango (09:08)
Plasson investe R$ 28 milhões em expansão da unidade fabril, em Criciúma (08:20)
ABRA protocola ofício com solicitação que impacta indústrias produtoras de farinhas de pena, peixe e sangue (08:14)
Indústria de ovos dos EUA: desafios e oportunidades (08:11)
Fundamentos teóricos e aplicação no processamento de ovos e derivados (08:08)
Quarta-Feira, 12/12
Pioneirismo e inovação marcam 10 anos da Yes (10:12)
Exportações de carne bovina deverão bater novos recordes no ano que vem (08:41)
Embrapa fecha acordo com Sindan para pré-análise de novos produtos veterinários (08:40)
Granja do Cedro é destaque de pecuária no prêmio “As melhores da Dinheiro Rural” (08:40)
Safra pode repetir recorde com 238,4 milhões de toneladas (07:57)
Encontro de Avicultores premia os melhores da Integração Aurora/Cocari (07:56)
Assembleia Legislativa de Goiás homenageia dirigentes da Pif Paf Alimentos (07:54)
BRDE assina contratos de R$ 100 milhões com cooperativas paranaenses durante encontro da Ocepar (07:53)
A crescente preocupação com ectoparasitas e os prejuízos econômicos causados por estes (07:50)
Milho: Bolsa de Chicago segue tendência do dia e fecha terça-feira com pouca movimentação (07:50)
Além do enriquecimento de ovos, selênio apresenta benefícios produtivos (07:48)
Aviagen Estreia “I Escola de Incubação” da América Latina (07:25)
Terça-Feira, 11/12
Cresce dependência do agronegócio brasileiro das importações chinesas (08:06)
Milho: cotação da Bolsa de Chicago encerra segunda-feira próxima da estabilidade (08:03)
Soja: Brasil fecha o dia com estabilidade com recuo de Chicago e dos prêmios (08:00)
Mercado do boi gordo apresenta cenários distintos (07:58)
Inaugurado laboratório de referência em Campinas (07:55)