Quinta-feira, 21 de Junho de 2018
Política Agrícola

Eleições passam a pautar mudanças no ministério
Brasília, DF, 22 de Fevereiro de 2018 - Com o enterro da reforma da Previdência, a conjuntura eleitoral vai pautar as mudanças nos ministérios até abril. A negociação de votos favoráveis à proposta sai de cena para dar lugar à composição de alianças nos Estados e no plano nacional.

Foi nesse contexto que o presidente Michel Temer recomendou ontem ao PTB que aguarde as alterações que fará no primeiro escalão antes de apresentar um novo nome para o Ministério do Trabalho. Também no âmbito das mudanças ministeriais, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, do PP, informou ao Planalto que permanecerá no comando da pasta.

Um mês e meio antes do prazo para que os ministros deixem os cargos para concorrer em outubro, a reforma ministerial ganha corpo em compasso acelerado. De pelo menos 13 ministros que deixarão seus postos, o destino de três auxiliares foi traçado nesta semana.

Na segunda-feira, Temer demitiu a titular dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, para empossar o subchefe de Assuntos Jurídicos, Gustavo do Vale Rocha como interino, um nome de sua máxima confiança, com o objetivo de incrementar as ações na área social e tentar alavancar a baixa popularidade presidencial.

Com a candidatura à reeleição como plano B, Temer precisa se cacifar, ao menos, como um forte cabo eleitoral. O MDB de Temer terá candidatura própria ou reivindicará a vaga de vice-presidente em uma chapa competitiva, de modo que a nomeação para ministérios servirá como moeda de troca nessas composições.

Ontem, sem o pano de fundo da articulação para obter votos para a reforma previdenciária, o desfecho da crise envolvendo a escolha de Cristiane Brasil para o Ministério do Trabalho foi inesperado. O PTB foi um dos primeiros partidos a recomendar o fechamento de questão a favor das mudanças na aposentadoria, de olho na posse de Cristiane, filha de Jefferson, no ministério.

Agora, próximo ao prazo de desincompatibilização, no início de abril, o partido perdeu a prerrogativa de emplacar um nome da bancada, e sequer conseguiu efetivar o interino no cargo: o secretário-executivo Helton Yomura, um nome da confiança do presidente da sigla, Roberto Jefferson.

Dessa forma, Yomura permanece na interinidade, e conforme o novo desenho da Esplanada - que está em esboço e Temer adequará à conjuntura eleitoral -, o PTB pode até mesmo perder o controle do Ministério do Trabalho.

Em outra frente, o ministro Blairo Maggi vem sendo aconselhado pela diretoria da Amaggi, empresa da qual é sócio com familiares, a não concorrer a um novo mandato de senador pelo Mato Grosso em outubro e, dessa forma, desistir da vida pública.

Blairo evita comentar o assunto, mas disse ontem ao Valor que anunciará sua decisão na segunda-feira, em uma entrevista coletiva convocada em Cuiabá (MT). "Tenho passos políticos a percorrer e pessoas com quem quero falar antes de anunciar a decisão."

Blairo teria uma reeleição fácil para o Senado em Mato Grosso, onde lidera as pesquisas de intenção de votos, e já discutiu o assunto com o Temer e com o presidente nacional do PP, senador Ciro Nogueira (PI).

Com a desistência do pleito, Blairo continua este ano no ministério, onde tem uma agenda voltada para a abertura e ampliação de mercados internacionais para o agronegócio brasileiro. A partir de 2019, voltaria a se dedicar à Amaggi, trading que busca expandir sua atuação no país, mas sofre com a concorrência de gigantes globais como Cargill e Bunge.

Blairo também quer sair da linha de frente da política em função dos desgastes pessoais que vem sofrendo no âmbito de investigações criminais. Ele foi alvo de delações premiadas de executivos da Odebrecht e do ex-governador de Mato Grosso Silval Barbosa, que relataram supostos envolvimentos dele com esquemas de corrupção. Se desistir da candidatura, ele abre a vaga na chapa majoritária ao hoje deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), atual líder da bancada tucana na Câmara e ex-presidente da bancada ruralista, numa composição regional.

(Valor ) (Andrea Jubé, Cristiane Bonfanti e Cristiano Zaia )
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quinta-Feira, 21/06
Quarta-Feira, 20/06
Frigoríficos precisam buscar soluções técnicas para problemas, afirma Vargas (09:49)
Prima-irmã dos frangos de corte, produção de ovos vive longe da crise (08:23)
Motivo para embargo da UE ao frango brasileiro é disputa comercial, diz Blairo (08:21)
Valor da Produção Agropecuária de 2018 é de R$ 552 bilhões (08:10)
Milho: com foco na China e na safra americana, mercado recua pelo 5º pregão consecutivo em Chicago (08:09)
Soja: prêmios sobem mais de 20% no Brasil, mas queda forte em Chicago limita preços nos portos (08:00)
Terça-Feira, 19/06
BRF anuncia encerramento de produção de aves em Campo Verde (MT) (15:19)
AB Vista atualiza estudos sobre os efeitos de Cálcio X Fitase na alimentação dos monogástricos (14:24)
VIII CLANA tem inscrições com desconto até 10 de agosto (14:21)
Embrapa: ICPFrango foi de 225,89 pontos em maio, alta de 2,72% (08:50)
Em cinco anos, produção de carnes de Mato Grosso vai subir 40%, diz banco (07:49)
MILHO/CEPEA: preços recuam quase 8% em sete dias (07:46)
SOJA/CEPEA: preços caem devido à baixa externa, dólar e produção elevada (07:44)
Após greve dos caminhoneiros, BRF suspenderá abates em Concórdia (SC) (07:41)
Ministro Blairo Maggi vai à Comissão de Agricultura da Câmara (07:35)
Mercado interno do milho apresenta poucas movimentações na abertura da semana (07:32)
Soja sobe nos portos do Brasil nesta 2ª feira estimulada pela alta do dólar e dos prêmios (07:30)
Segunda-Feira, 18/06
Justiça livra adquirente de produto agrícola de recolher o Funrural (08:33)
Nova taxa da China para importação de frango preocupa avicultores e indústria (08:30)
EUA e China travam guerra comercial e, com ela, Brasil só tem a perder (08:29)
Ovo ganha papel de destaque em páginas sobre dietas no Instagram (08:10)
Rally em Chicago retira pressão de queda maior do milho (08:08)
Soja: mercado interno com poucos negócios (08:00)
Sexta-Feira, 15/06
Em sua 59ª edição, Festa do Ovo de Bastos tem espaço ampliado e dia específico para o entretenimento (14:35)
II Encontro ASGAV/SIPARGS sobre energia alternativa e complementar (10:02)
Pedro Parente assume como CEO Global da BRF na próxima semana (08:49)
Pressão derruba diretor de inspeção do Ministério da Agricultura (08:46)
Korin decide ampliar foco dos negócios (08:41)
Creche de Água Clara (MS) conta com o apoio da Cobb-Vantress (08:33)
Wisium lança aplicativo que ajuda empresas do setor avícola melhorarem rentabilidade (08:30)
Agroceres Multimix participa de mais uma edição do Avicultor e mostra que o setor conta com as melhores soluções em nutrição animal (08:25)
IBGE: produção de ovos cresceu 7,1% (08:12)
Abate de frangos caiu 1,2% frente no 1° trimestre de 2018 (08:11)
Preços agrícolas sobem 2,17% em maio, afirma IEA (08:09)
Milho: mesmo com o nervosismo da disputa EUA X China, queda de até 13 pts em Chicago surpreende (08:03)
Soja: mercado brasileiro com poucas referências (07:59)
Soja: com foco na China e na safra dos EUA, mercado recua pelo 2º dia consecutivo em Chicago (07:50)