Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
Empresas

Gumboro: um desafio para a indústria avícola

Doença exige investimentos constantes em biosseguridade e vacinação para proteção das aves
Paulínia, SP, 21 de Fevereiro de 2018 - A Doença Infecciosa da Bursa (IBD), conhecida também como Gumboro, é uma das mais desafiadoras enfermidades da indústria avícola mundial. Altamente contagiosa, a patologia traz uma série de impactos econômicos para produção provenientes dos investimentos para a proteção das aves e o controle da infecção no campo.

A enfermidade atinge a bolsa de Fabrícius, um importante órgão linfoide primário, e compromete a resposta imune das aves causando imunossupressão e aumento da mortalidade. Por ser enzoótica, a IBD sobrevive nas granjas por longos períodos. O vírus costuma se hospedar nas camas, o que coloca pressão a cada novo alojamento e torna a probabilidade de desafio na granja extremamente alta.

“O vírus consegue sobreviver durante os vazios sanitários mesmo com a correta higienização e desinfecção dos aviários, pois é resistente as principais substâncias utilizadas para limpeza das instalações. Por isso, a pressão de infecção pelo vírus de Gumboro pode aumentar a cada novo lote explica o Gerente de Marketing da Unidade de Aves da Ceva Saúde Animal, Tharley Carvalho.

Por estar presente no ambiente, a transmissão do vírus acontece de forma horizontal. As aves são infectadas pelo contato direto com matéria orgânica ou equipamentos de uso comum que tiveram contato com animais contaminados.

Nas aves, a IBD chega, por meio da circulação sanguínea, à bolsa de Fabrícius, seguindo para baço, timo e rim, causando alterações nos tecidos e imunossupressão relacionada com a depleção de linfócitos B.

“Os animais afetados sofrem com imunossupressão e ficam suscetíveis à ação de outras doenças infecciosas. Esses fatores somados trazem uma série de prejuízos econômicos relacionados à perda do desempenho zootécnico, a morte dos animais e ao aumento de condenações no frigorífico”, detalha Carvalho.

As sequelas associadas à Gumboro incluem: dermatite gangrenosa, corpos de inclusão na Síndrome de hepatite-anêmica, infecção por E. Coli, entre outros.

Para controlar a doença são necessários investimentos em biosseguridade e vacinação para garantir a proteção contínua das aves contra infecção pela IBD, desde o alojamento dos pintos de um dia até a saída para o abatedouro.

“Como o agente está presente na granja, o desafio irá acontecer. A variáveis são apenas a severidade e os impactos dentro da produção”, conta Carvalho.

Sempre em busca de soluções que facilitem o dia a dia do produtor, a Ceva Saúde Animal desenvolveu a Transmune, vacina viva liofilizada complexo-imune com a cepa Winterfield 2512 e anticorpos IBD para imunização ativa de aves contra a Doença de Gumboro.

Com formulação única, Transmune alcança a bolsa de Fabrícius induzindo proteção imediata e completa e a produção de anticorpos protetivos contra o vírus de Gumboro. “Com uma única dose aplicada in-ovo ou subcutânea no primeiro dia de vida, o produto protege a ave por toda sua vida contra o desafio de qualquer tipo de cepa da doença”, afirma Carvalho.
(Ceva Saúde Animal) (Assessoria de Imprensa )
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 24/09
Natal sedia dois eventos internacionais de inovação (11:32)
Ceva Saúde Animal estará no 12º Simpósio Técnico ACAV (10:09)
Inaugurado novo Centro de Distribuição De Heus no Nordeste (09:58)
Crise afeta as vendas de equipamentos de frigoríficos (08:38)
Suíça rejeita iniciativas que endureciam exigência para alimentos (08:35)
Membros do comitê técnico do Congresso de Ovos reúnem-se para discutir temário (08:22)
Simpósio de avicultura terá palestra de abertura com jornalista João Borges (08:17)
A avicultura catarinense, por José Antônio Ribas Júnior (08:14)
DSM é nova patrocinadora da Semana do Ovo 2018 (08:09)
No LPN Congress 2018, o Dr. Steve Leeson analizará as mudanças nutricionais em um ambiente livre de AGP (08:04)
Milho: mercado sobe mais de 1% na semana na CBOT com dados da demanda e chuvas nos EUA (08:00)
Soja fecha com balanço semanal positivo apesar das realizações de lucros desta 6ª em Chicago (07:58)
McDonald’s é alertado a cuidar melhor de seus frangos (06:09)
Sexta-Feira, 21/09
Siemens cria centro de competências de carnes no Brasil (08:58)
Rabobank: volatilidade associada ao Brasil é desafio para o mercado global (08:46)
Açúcar leva Brasil a acionar China na OMC (08:46)
Quinta-Feira, 20/09
Gestão de estoques se torna prioridade de Pedro Parente na BRF (11:48)
Só falta o aval da Casa Civil para pesquisador assumir a presidência da Embrapa (11:43)
Multinacional De Heus finca base de logística de carne em Caruaru (11:08)
Alterion ganha prêmio Innovspace (10:58)
BRF enfrenta crescente competição por milho com indústria de etanol (08:48)
Quarta-Feira, 19/09
Indústria vê queda na produção de ração no Brasil no 1º semestre e perspectiva negativa (10:26)
Idoso de 111 anos ‘ensina’ como viver muito e com saúde (09:52)
Arroz e feijão estão entre os alimentos mais desperdiçados no Brasil (09:49)
BRF está pronta para voltar aos “velhos tempos” (09:22)
Embrapa seguirá sob comando de pesquisador (08:56)
Soja: recuo em Chicago pesa sobre preços nos portos do BR, mas dólar e prêmios limitam baixa (07:59)
Simpósio de avicultura discutirá qualidade na produção de matrizes (07:58)
Brasil reforça vigilância para barrar eventual ingresso da peste suína africana (07:56)
Plantio da soja no Paraná atinge 9% da área e colheita do milho bate em 99% (07:13)
Sem oferta, mercado do boi gordo registra alta em São Paulo (07:12)
China está redirecionando investimentos dos EUA para a Europa (07:11)
Milho: focado na colheita nos EUA, mercado recua pelo segundo dia consecutivo na Bolsa de Chicago (07:00)
Terça-Feira, 18/09
Semana do Ovo 2018 conta com patrocínio da Label Rouge (13:43)
Wisium reforça presença no Nordeste (13:36)
Com Brexit, Europa se prepara para nova logística de importação (09:11)
VIII CLANA anuncia tema "Nutrição Animal e Produção Sustentável de Alimentos" (09:06)
Florence faz Sanderson Farms perder 1,7 milhão de frangos (08:41)
Porto de Roterdã mantém o rigor na fiscalização de carnes do Brasil (08:37)
Governo reduz novamente orçamento para o seguro rural (08:25)
Tabela de frete provoca aumento nas importações brasileiras de cereais (08:23)
Surto de febre suína na China favorece criadores de frango (08:20)
Milho: em Chicago, mercado fecha pregão desta 2ª em campo negativo de olho na colheita nos EUA (08:18)
Soja tem novo dia de baixas em Chicago nesta 3ª ainda sentindo pressão da disputa EUA x China (08:07)