Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018
Eventos e Cursos

Receita de exportações de frangos cresce 5,7% em novembro
São Paulo, 05 de Dezembro de 2017 -

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) informa que a receita das exportações de carne de frango (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) apresentou elevação de 5,7% em novembro deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado.   Ao todo, os embarques do mês passado geraram saldo de US$ 558,5 milhões, contra US$ 528,2 milhões em novembro de 2016.

No ano, o saldo acumulado segue positivo em 7%, com um total de US$ 6,713 bilhões obtidos entre janeiro e novembro deste ano, contra US$ 6,273 bilhões nos onze primeiros meses de 2016.

Em toneladas, houve retração de 0,8% nos volumes embarcados no mês passado, com total de 325,6 mil toneladas - contra 328,2 mil toneladas em novembro do ano passado.  Já no acumulado do ano (janeiro a novembro) foram embarcadas 3,999 milhões de toneladas, volume 0,56% inferior ao obtido no ano anterior, com 4,021 milhões de toneladas.

“A diminuição do ritmo dos embarques é resultado de ajustes pontuais nas importações de determinados mercados do Oriente Médio e da União Europeia.  Ao mesmo tempo, houve um consistente crescimento nas importações da África do Sul, Iraque, Líbia e Jordânia”, analisa Francisco Turra, presidente-executivo da ABPA.

Carne suína in natura – As exportações brasileiras de carne suína in natura totalizaram 45,8 mil toneladas, resultado 21,4% inferior ao registrado no mesmo período do ano passado, com 58,3 mil toneladas.  Em receita, houve retração de 27,6%, com US$ 110,7 milhões.

No ano (janeiro a novembro), o setor acumula alta de 8,9% na receita, com US$ 1,363 bilhão – contra US$ 1,251 bilhão no mesmo período do ano anterior. No mesmo período comparativo, os embarques registraram retração de 6,3% em volumes, com 548,7 mil neste ano, contra 585,6 mil toneladas nos onze primeiros meses de 2016.

“Houve uma readequação nos níveis de importação de importadores da Ásia, como China, Singapura e Hong Kong, que influenciaram o resultado do mês.  Por outro lado, Uruguai e Angola incrementaram suas compras em novembro”, destaca o vice-presidente de mercados, Ricardo Santin.

NÚMEROS DE 2017 - A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) realizará uma coletiva de imprensa no dia 13 de dezembro (quarta-feira), às 10h30, em São Paulo (SP), para apresentar os resultados dos setores de aves, ovos e de suínos do Brasil em 2017, além das perspectivas da avicultura e a suinocultura para o próximo ano.

Participarão o presidente-executivo da associação, Francisco Turra, o vice-presidente de mercados, Ricardo Santin e o vice-presidente técnico, Rui Eduardo Saldanha Vargas.

Confirmações de presença podem ser feitas pelo e-mail marcelo.oliveira@abpa-br.org.



Coletiva da ABPA
Data: 13 de dezembro (quarta-feira), às 10h30
Local: Adress Faria Lima, na Rua Amauri, 513 - Itaim Bibi, São Paulo
Confirmações: marcelo.oliveira@abpa-br.org.
(ABPA) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 19/10
Condomínio Vespasiano Corrêa assina contrato para liberação de financiamento (06:56)
Quinta-Feira, 18/10
Vetanco participa do ACAV 2018 (14:46)
Chile reabre mercado para avicultura do RS (13:32)
SUÍNOS/CEPEA: exportação elevada sustenta preços no Brasil (10:15)
BOI/CEPEA: produtividade de carne por animal é maior em SP (09:44)
Adaptação veterinária (08:55)
Guerra comercial já eleva os preços na China (08:45)
BRF negocia acordo de leniência com MPF e CGU (08:14)
Agro olhou para eleição presidencial e esqueceu representantes do setor (08:11)
Soja: mercado no Brasil tem novo dia de pressão nesta 4ª e continua sentindo peso do câmbio (08:00)
Força-tarefa encontra três novos focos de peste suína no Ceará (07:28)
O frigorífico que produz carne de frango sem matar nenhuma ave (06:51)
Quarta-Feira, 17/10
Em Goiás, IOB prepara série de ações em parceria com a Associação Goiana de Avicultura (13:52)
Em MG, NECTA realiza 1º Dia do Ovo, com apoio do IOB (08:20)
Movimentação do Porto de Itajaí aumenta 81% em setembro (06:33)
Road Show Aves e Suínos da Boehringer fortalece a cadeia de proteína animal com conhecimento técnico (06:32)
Para ampliar exportação, setor de aves e de suínos vai à feira em Paris (06:31)
Importações chinesas de carne suína devem crescer 8% neste ano (06:10)
Soja: com previsão de melhora do clima nos EUA, mercado em Chicago ainda opera estável nesta 4ª (06:00)
Terça-Feira, 16/10
Da ABPA aos candidatos (09:18)
PF indicia Abilio Diniz e Pedro Faria no âmbito da Operação Trapaça (07:49)
Após relatório da PF, BRF defende tolerância zero e afasta 14 pessoas (07:48)
Milho fecha em alta na Bolsa de Chicago nesta 2a feira com clima adverso para colheita nos EUA (07:44)
Com demanda forte e clima adverso no Corn Belt, soja fecha com mais de 2%de alta em Chicago (07:40)
Plantio de soja evolui em ritmo acelerado em quase todo o país (07:39)
Brasil ganha mercado de soja na China, mas perde espaço para EUA na Europa (07:31)
MILHO/CEPEA: indicador recua quase 6% no acumulado do mês (07:30)
SOJA/CEPEA: dólar cai e pressiona valores internos da soja (07:29)
Segunda-Feira, 15/10
CBNA debate nutrição animal e produção sustentável de alimentos a partir de amanhã, no VIII CLANA, em Campinas, SP (13:29)
Programa Ovos RS: Atividades e Eventos (10:57)
Vetanco realiza Oficina de Trabalho em Carpina-PE (10:35)
Conheça a campanha Ovo Capixaba (10:32)
Da ABPA aos candidatos (09:19)
Agronegócio teme radicalismo e falta de experiência em equipe de Bolsonaro (08:15)
FRANGO/CEPEA: preços registram alta no atacado paulista (08:11)
SUÍNO/CEPEA: menor oferta para abate mantém preços estáveis na maior parte das regiões (08:07)
BOI/CEPEA: indicador oscila com força, mas acumula queda na parcial deste mês (08:05)
Projeções confirmam o peso do Brasil nas exportações de grãos (08:05)
Milho: mercado em Chicago ainda sente efeitos positivos do USDA e fecha em alta nesta 6ª feira (08:02)
Soja começa semana com estabilidade em Chicago nesta 2ª feira e foca colheita nos EUA (08:00)