Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019
Exportação

Temer deve assinar 25 acordos em visita à China
PEQUIM, 31 de Agosto de 2017 - "A relação com a China é fertilíssima", afirmou Michel Temer, na véspera de visita de Estado que fará nesta sexta-feira em Pequim, quando encontrará o presidente Xi Jinping e o primeiro-ministro Li Keqiang. O presidente do Brasil deve participar da assinaturas de 25 atos na China, entre acordos bilaterais e memorandos de entendimento, que podem envolver vários bilhões de dólares, na expectativa do lado brasileiro.

Uma hora depois de desembarcar em Pequim, Temer recebeu, em quatro sucessivas audiências de meia hora cada, os presidentes dos conglomerados StateGrid Corporation, Huawei, HNA e da China Three Gorges Corporation.

As promessas se repetiram por parte dos chineses de que vão aumentar investimentos na economia brasileira. HNA quer comprar mais aviões da Embraer e planeja abrir uma linha Rio-Lisboa-Pequim.

Com o presidente da China Three Gorges (Três Gargantas), Temer se despediu dizendo: ''Com todos esses investimentos que vocês vão ter no Brasil, a empresa deveria se chamar Quatro Gargantas''.

Ao mesmo tempo, as autorizações do governo da China para venda de 20 aviões da Embraer e para entrega de 18 aparelhos para a Hainan, apontados como um dos possíveis resultados da visita, chegou a ser tirada da agenda pelos chineses na quarta-feira. Os brasileiros tentavam retomar as discussões nesta quinta-feira. ''O suspense continua'', suspirou um negociador brasileiro.

Às 3 da manhã, em escala em Astana (Cazaquistão), Temer ouviu do presidente do grupo Eurasian Mining Group, controlador da Bahia Mineração (Bambi), a intenção de investir US$ 1 bilhão na construção do terminal portuário de Ilhéus (BA) e US$ 400 milhões na da Ferrovia de Integração Oeste Leste-FIOL, no mesmo Estado,junto com a China Railway Corporation 10.

Um dos acordos privados a serem assinados nesta sexta-feira em Pequim é o financiamento de US$ 400 milhões para o complexo portuário em São Luís, concedido pelo banco ICBC. A operação é da chinesa CCCC com a WPR, do grupo WTorre.

Acordos para facilitar comércio estão na agenda das discussões entre a China e o Brasil. Isso justamente quando Pequim praticamente fechou o mercado para as exportações brasileiras de açúcar, com uma salvaguarda que quase dobrou a tarifa de importação. E abriu uma investigação antidumping contra o frango uma semana antes da chegada de Temer. Em duas tacadas, Pequim alveja dois produtos que representam 5% das exportações do Brasil para o mercado chinês.

Para fontes brasileiras, Pequim fez isso porque certamente quer algo do lado brasileiro. Os chineses não esconderam em várias ocasiões que estavam ''furiosos'' com o acúmulo de medidas de defesa comercial aplicados pelo Brasil contra produtos da China, principalmente aço.

As exportações brasileiras de açúcar, que chegaram a US$ 1 bilhão para a China no ano passado, caíram para zero desde maio. Os exportadores de pés e asas de frango, que também embarcam US$ 1 bilhão em média por ano para o mercado chinês, temem uma aplicação temporária de sobretaxa dentro de seis meses.

Depois da visita de Temer, Jinping mergulha nos assuntos internos. Haverá o congresso do Partido Comunista antes do fim do ano e a escolha de pelo menos cinco dos sete integrantes do comitê permanente, de mais alto nível.
(Valor) (Assis Moreira)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 18/10
Quinta-Feira, 17/10
FACTA promove os cursos Internacional sobre incubação de ovos e Matrizes de Frango de Corte, em Recife (PE) (14:13)
10 Motivos para Participar do VI Workshop Sindiavipar (11:31)
AB Vista: OVUM em Lima foi o palco para o lançamento do Signis (11:27)
Instituto Ovos Brasil realiza ação em parceria com a Avipe e com o Clube Náutico Capibaribe (10:46)
Ação da ABPA & Apex-Brasil na ANUGA gera mais de US$ 110 milhões em exportações (10:04)
Secretaria de Agricultura comemora Dia do Ovo com degustação de variadas receitas e palestras no IZ (09:45)
Suínos: demanda segue firme e preço está em alta há seis semanas (09:43)
Boi: médias nominais do boi e da carne seguem em patamares recordes (09:42)
Certificadora halal brasileira é acreditada por países do Golfo (08:45)
Em 2019 PIB do agronegócio cresce 2%, estima consultoria (08:44)
Pecuária vai bem e gera mais renda pelo país neste ano (08:40)
Escândalo com salsicha contaminada na Europa (08:37)
Suíno Vivo: principais praças registram alta (08:31)
Valor da Produção Agropecuária de 2019 sobe para R$ 606,2 bilhões (08:15)
Balança comercial entre Brasil e países árabes (08:13)
Boi Gordo: mercado em alta na segunda quinzena de outubro (08:09)
Boi: vencimento outubro para 2020 atinge R$ 180,00/@ na Bolsa Brasileira (08:07)
Soja sobe em Chicago nesta 5ª feira (08:04)
Milho fecha quarta-feira com perdas em Chicago, pressionadas pelo avanço da colheita (08:00)
Quarta-Feira, 16/10
Secretaria de Agricultura e Abastecimento incentiva hábitos alimentares práticos e saudáveis (14:00)
Mês do Ovo: Padaria em Campinas recebe ação do Instituto Ovos Brasil na hora do almoço (13:28)
R$0,25 a mais no preço de lanche pode reduzir sofrimento de milhões de animais, diz ONG (12:38)
Luiz Felipe Caron palestra para equipe da Zanchetta Alimentos (11:48)
Produtores rurais poderão refinanciar dívidas com juros de 8% ao ano (11:48)
Sucesso resume a primeira edição do Workshop do Dia do Ovo (08:45)
Cargill nomeia Paulo Sousa para presidência da empresa no Brasil (08:39)
Soja marca novo dia de estabilidade nesta 4ª em Chicago (08:36)
Suíno Vivo: cotação tem alta em todas as praças do país (07:57)
Boi: Futuro encerra 3ª feira com ganhos (07:54)
PIB do agronegócio cresce 0,64% em 2019 (07:51)
Boi Gordo: escalas divergentes em São Paulo (07:50)
Preço da carne bovina sem osso sobe na semana (07:49)
Milho: terça-feira encerra mercado com quedas na Bolsa de Chicago (07:48)
Soja: preços sobem até 4% no interior do Brasil (07:46)
Mapa e OCB firmam acordo para promover intercâmbio e internacionalização de cooperativas (07:44)
Santa Catarina amplia as exportações de carne suína para a China (07:42)
Paraná suspende vacinação de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa (07:20)
Languiru quer exportar pés de galinha para o mercado asiático (07:18)
Produtores de milho dos EUA perdem terreno para Brasil e Ucrânia (07:17)
China condiciona compras agrícolas à redução de tarifas dos EUA (07:15)
C.VALE é premiada por excelência de gestão (07:13)
Terça-Feira, 15/10
Sistema de autocontrole do Mapa tem indústria de proteína animal entre suas prioridades (13:32)
Sanphar adquire laboratório mineiro de vacinas Ipeve (10:07)
Membros da ABPA são homenageados no OVUM 2019 (10:05)
Soja opera estável nesta 3ª em Chicago (08:09)
Suíno Vivo: principais praças do país registram altas (07:21)
SP registra valorização do boi gordo (07:11)
Carne Bovina: dados do MDIC reforçam possibilidade de exportações recordes em outubro (07:10)
VBP da agropecuária fica estável em 2019 (07:09)
Milho começa nova semana estável em Chicago (07:07)
Soja fecha com leves altas em Chicago nesta 2ª e mercado espera definições (07:06)
Tamanho da demanda chinesa vai definir rumo dos preços da soja em Chicago (07:00)
BRF tem 44 vagas de trainee com salário de R$ 6.500; inscrição vai até 3/11 (06:17)
Segunda-Feira, 14/10
Auster Nutrição Animal participa do Ciclo de Palestras e Atualização Avícola, em Sergipe (11:21)
Instituto Ovos Brasil e Fazenda da Toca participam do Congresso de Nutrição Comportamental (09:56)
Ovos: exportações recuam para menor patamar desde novembro (09:55)
Milho: preços se mantém em alta (09:54)
Soja: atividades de semeio avançam; vendedor está retraído (09:53)
Ovos: avicultura gaúcha se mobiliza para criação de selo nacional de qualidade (09:51)
Produzir aves sem antibióticos exige tempo de aprendizagem, diz executivo (09:11)
Pedido de painel contra UE na OMC volta à pauta (09:08)
Soja: mercado inicia semana com estabilidade em Chicago (08:05)
Milho se recupera de perdas para fechar a semana em alta (08:00)
Suíno Vivo: PR, SC e SP registram alta na sexta-feira (07:54)
Boi: mercado de novilhas aquecido (07:52)