Domingo, 21 de Julho de 2019
Empresas

Expansão e soluções em tecnologia marcam participação da Plasson no Siavs 2017

Multinacional comemora 20 anos da unidade brasileira e lança cinco produtos na feira
São Paulo, SP, 30 de Agosto de 2017 - Impulsionados pela contínua evolução genética dos animais, os aviários e granjas de suínos brasileiros tomam um caminho sem volta da implementação de novas tecnologias em busca do aumento de controle e produtividade das estruturas. Um dos principais players dos dois segmentos, a Plasson do Brasil consolida a posição dentro do Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (SIAVS) 2017, ano em que completa duas décadas da unidade no país, com novos produtos com base na inovação. A feira organizada pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) ocorre de 29 a 31 de agosto, no Anhembi Parque, em São Paulo.

“Temos como principal diferencial a parceria sólida e a relação de confiança com os clientes e estar num evento da envergadura do Siavs nos dá mais uma ótima oportunidade de estreitar esse relacionamento”, destaca o diretor-presidente da Plasson do Brasil, Franke Hobold.

A empresa multinacional com sede em Israel tem na subsidiária brasileira o maior faturamento entre os 14 países onde possui unidades fabris. No último ano a empresa registrou um crescimento de 8%. Em Criciúma (SC) são produzidos todos os equipamentos necessários para a instalação de aviários e granjas de suínos para os mercados do Brasil e América Latina. Desde 2016, a Plasson passou a atuar também na fabricação de máquinas para a avicultura de postura (produção de ovos), com o investimento para assumir o controle da ATI, indústria localizada em Rinópolis (SP).

Os visitantes do Siavs vão conhecer no estande da Plasson um pouco do rol de soluções da Plasson do Brasil e as cinco novidades lançadas na feira. Todas convergem para a tendência da automatização das estruturas de criação de aves e suínos, indica Hobold. “Cada vez mais a exigência aumenta no controle e na gestão das informações, dentro e fora do galpão. Os produtores querem cruzar esses dados, a integração quer poder comparar resultados de diferentes produtores, confrontando informações de produção, climatização e consumo de ração por animal. Entender, por exemplo, se com a temperatura X e uma temperatura Y o consumo de ração poderia ser maior ou menor, variando a velocidade de ar”, frisa.

Principais novidades da Plasson no Siavs

Para garantir o controle e oferecer a chamada “ambiência de precisão” (condições ideais de ambiente dentro do galpão para o desenvolvimento na ave, respeitando os períodos do ciclo de vida), a Plasson apresenta ao mercado o Active 20, um controlador de aviários com uma plataforma avançada de comunicação que oferece acessar parâmetros do aviário e alterá-los remotamente. O sistema faz análises de parâmetros relacionados à climatização, como umidade, velocidade e temperatura do ar e consegue determinar se há alterações de temperatura no ambiente externo que o levem a ligar um equipamento para aquecer ou esfriar a temperatura interna a fim de compensar essa variação.

Outra novidade trazida pela Plasson é o Sistema de Pesagem e Distribuição Controlada de Ração. O equipamento automatiza as tarefas, com precisão de 99% na pesagem de 3 toneladas por hora, com a possibilidade de controlar até 96 válvulas independentes, ou seja, com até 16 aviários linkados nele. Com este sistema, o produtor assegura o envio das quantidades corretas nos horários programados aos comedouros.

Distribuição de ração para a suinocultura - Com o objetivo de equacionar um problema comum na distribuição de rações nas granjas de suínos, a Plasson lança o derivador com cinco e/ou seis saídas. Diferente dos sistemas atuais (saída única ou com três peças), nos quais é comum o acúmulo de alimentos nas intersecções dos dutos, a peça única com 50mm de diâmetro e ângulos mais suaves permite maior vazão da ração. Desta forma se assegura que o animal vai receber o alimento nos horários que precisar.

Controle da entrada de ar – a entrada de ar externo compõe uma das importantes variáveis para o controle do ambiente dentro dos galpões de aviários. O novo modelo de inlet plástico da Plasson do Brasil vem com um design cuidadosamente desenvolvido para direcionar o fluído de ar frio para cima da construção, onde se concentra o ar quente, em vez de ir de encontro às aves.

Expansão da fábrica em SC

De olho em uma forte tendência do mercado da avicultura, a Plasson do Brasil se prepara para oferecer um novo produto nos próximos meses. A empresa está ampliando a fábrica no município de Criciúma erguendo um galpão de 7 mil m² de área construída, em um investimento de R$ 25 milhões. Com a estrutura pronta a Plasson vai passar a oferecer o “Projeto Chave em Mãos”. Nesse modelo de contratação, a empresa executa todo o aviário, da construção civil à instalação dos equipamentos.

“O Chave em Mãos vem ao encontro de uma demanda forte dos empresários e produtores no sentido de ganhar agilidade na construção e poder cobrar de apenas um fornecedor confiável e cumpridor de prazos. Pretendemos ser esse player importante no mercado porque vai gerar uma aproximação ainda maior com nossos clientes”, acredita.

Plasson no mundo

A Plasson do Brasil integra o Grupo Plasson, companhia criada em 1964 pelo Kibbutz Maagan Michael, de Israel. Além de equipamentos para avicultura e suinocultura, o grupo desenvolve, fabrica e comercializa itens como válvulas e conexões nas áreas de transporte de água, esgoto e gasoduto, e equipamentos para banheiros, atuando em países como Alemanha, Itália, França, Inglaterra, Estados Unidos, México, África do Sul, Índia, China e Austrália, sendo a Plasson do Brasil a maior subsidiária do grupo fora de Israel.
(Plasson) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Domingo, 21/07
Sexta-Feira, 19/07
Caminhoneiros reagem à tabela de frete e planejam ato para segunda (10:36)
Milho: “Chove em Chicago” (08:59)
BRF começa a deixar turbulências para trás (08:57)
Quinta-Feira, 18/07
China vai inspecionar frigoríficos brasileiros por vídeo (14:16)
Demanda chinesa por carnes amplia exportações da UE (08:55)
Após divergências com a ministra, presidente da Embrapa é demitido (08:53)
Paraná deverá liderar produção de carnes, prevê especialista (07:44)
Itaú BBA aponta tendências de faturamento das carnes em 2019 (07:43)
Frango/BTG: fundamentos no curto prazo são bons; pico do ciclo pode estar próximo (00:42)
Quarta-Feira, 17/07
Zoetis destaca Magniplex na Festa do Ovo, em Bastos/SP (13:31)
Polinutri garante presença na tradicional Festa do Ovo de Bastos (11:39)
ANTT cede a caminhoneiros em tabela do frete (09:00)
Aviagen reúne representantes das principais empresas avícolas da América Latina para evento técnico nos EUA (08:16)
Custos de produção de suínos e de frangos de corte disparam em junho (08:11)
Mercado do boi gordo está perdendo força (08:07)
Mercado do milho finaliza a pregão nesta 3ª feira em campo negativo na CBOT (08:03)
Soja fecha com baixas de dois dígitos em Chicago (08:00)
Instituto Ovos Brasil patrocina 3ª edição da Corrida da Festa do Ovo (07:42)
Terça-Feira, 16/07
Yamasa participa da Festa do Ovo 2019, patrocina Concurso de Qualidade de Ovos de Bastos e Corrida da Festa do Ovo (12:04)
Boehringer Ingelheim Saúde Animal confirma presença na Festa do Ovo de Bastos 2019 e reforça seu compromisso com o segmento de postura (12:00)
Valor da Produção Agropecuária é estimado em R$ 602,8 bilhões em 2019 (11:30)
Milho: Mercado inicia sessão nesta 3ª feira com baixas em Chicago (09:34)
Plantio atrasado nos EUA estende impacto do clima sobre preço de grãos (09:22)
Mercosul acelera vigência de acordo com UE (09:19)
Levantamentos indicam que geada não comprometeu oferta de produtos (08:31)
PIB do agronegócio cresce 0,04% em abril (08:27)
Santa Catarina encerra o primeiro semestre com alta de 56% nas exportações de carnes (08:24)
Exportação de milho do Brasil no acumulado de julho já supera volume de junho (08:22)
Começo de semana parado no mercado do boi gordo (08:10)
Milho: mercado finaliza a sessão nesta 2ª feira com forte recuo na Bolsa de Chicago (08:08)
Soja fecha a 2ª feira com mais de 10 pts de queda na CBOT (08:00)