Sábado, 21 de Julho de 2018
Empresas

Vaccinar e COAG promovem palestra sobre o Azomite

Qualidade de Casca de Ovo - Foco em Nutrição Mineral é o tema da palestra ministrada por Paul Massam
Campinas, 29 de Agosto de 2017 - O renomado cientista, Paul Massam, Ph.D. em Química e Física pela Universidade de Liverpool, ministra, a convite da Vaccinar, no dia 5 de setembro, às 18h30, a palestra Qualidade de Casca de Ovo - Foco em Nutrição Mineral (Ultratraço), no Primus Restaurante Choperia, localizado em Guatapará (SP).

Dirigida aos produtores da região, o evento é organizado pela Vaccinar em parceria com a COAG (Cooperativa Agrícola de Guatapará). Para Juliana Batista, Especialista em Nutrição Animal Vaccinar (Aves), trata-se de oportunidade única de conhecer o produto, seus benefícios e utilização.

Com um currículo extenso, Massam passou por experiências distintas, em diferentes setores da indústria, até se estabelecer em Pueblo, Colorado, EUA, e fundar a Massam LLC. Assim, a empresa tornou-se, a partir de 2006, distribuidora exclusiva do AZOMITE® e outros produtos especiais para o México, América Latina, Caribe e Canadá. O produto é internacionalmente reconhecido como uma fonte orgânica e única de oligoelementos necessários para todas as plantas, animais e espécies aquáticas.

No Brasil, explica o Gerente Comercial, Geraldo Francisco, a Vaccinar é representante exclusiva do Azomite. Reconhecendo a sua importância, a Companhia, além de revendê-lo, utiliza-o na formulação de alguns dos seus produtos. Ainda segundo o gestor, no caso específico da avicultura de postura, o produto deve ser usado por promover grande melhoria na qualidade de casca, reduzir consideravelmente a quantidade de ovos trincados e quebrados, melhorar a qualidade interna do ovo e aumentar a sua durabilidade (tempo de prateleira).

A isso, Julio Pinto, Diretor de Negócios Nutrição Vaccinar, complementa que, em função da crescente tendência do mercado consumidor preferir alimentos produzidos de forma mais natural, o Azomite, aditivo antiaglutinante, único, natural, estável, certificado para produção orgânica pelo Organic Materials Review Institute (OMRI) e reconhecido como seguro pela Food and Drug Administration (FDA), uma agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, o produto reveste-se de importância por sua segurança e aplicações.

Sintetizando, Juliana relaciona uma série de motivos pelos quais o técnico ou produtor devem utilizar o produto: trata-se de aditivo único, natural e seguro, certificado para produções orgânicas; sua eficiência é comprovada na melhoria do desempenho animal; trata-se de suplementação de elementos ultramicro minerais, com 70 minerais ultratraços na sua composição; é eficiente adsorvente de micotoxinas; atua na melhoria do processo de peletização: melhoria na produtividade e redução dos custos de produção; possui a propriedade de melhorar a qualidade do pelete com redução dos finos; é agente antiaglutinante, além de apresentar maior resistência à água em relação a outros produtos.



Julio Pinto (Diretor de Negócios Nutrição); Juliana Batista (Especialista em Nutrição Aves); Geraldo Francisco (Gerente Comercial) - da esquerda para a direita
(Assessora de Imprensa) (Cristina Vieira)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sábado, 21/07
Sexta-Feira, 20/07
Cobb-Vantress promoverá amanhã a quarta edição da Queima do Frango (13:46)
Turra debate proteína animal e expansão agrícola durante o GAF 18 (10:54)
Biosseguridade na Avicultura entra na Programação do Canal Rural (10:52)
Granja Pinheiros bate recorde de produção em matrizes com o Ross 308 AP (AP95) no Brasil (09:49)
Embrapa lança cartilha de boas práticas de produção de postura comercial (08:50)
Inscrições abertas para o 2º Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba (08:29)
Plano de Parente para BRF anima investidor (08:21)
Suíno segue se desvalorizando e Boi busca recuperação: acompanhe as análises de mercado do CEPEA (08:15)
CNA levanta custos de produção de grãos no PR (08:12)
Milho: mercado sobe pelo 3º dia consecutivo em Chicago (08:09)
Soja tem mais um pregão estável na Bolsa de Chicago nesta 6ª feira com traders cautelosos (08:00)
Quinta-Feira, 19/07
Instituto Ovos Brasil participa da Festa do Ovo de Bastos (09:33)
Biovet Vaxxinova anuncia nova Diretora de P&D e Assuntos Regulatórios (09:15)
FAO mostra um Brasil de importador a exportador de alimentos em duas décadas (09:00)
ABPA pede retirada de barreiras na exportação de carne de ave e de frango (08:30)
Cobb-Vantress é eleita a melhor empresa para trabalhar na região de São José do Rio Preto (08:14)
Milho: mercado inicia pregão desta 5ª feira próximo da estabilidade na CBOT (08:02)
Soja testa ligeiras baixas em Chicago nesta 5ª feira com mercado ainda bastante técnico (08:00)
Quarta-Feira, 18/07
Vetanco se faz presente em mais uma Festa do Ovo de Bastos (14:18)
Novo sistema da Secex gera dúvidas sobre dados de exportação de carne (08:30)
Alta do dólar impulsiona margem dos frigoríficos de carne bovina (08:20)
Valor Bruto da Produção Agropecuária está estimado em R$ 562,4 bilhões (08:10)
Milho: mercado testa tímidos ganhos na manhã desta 4ª feira em Chicago (08:06)
Soja tem estabilidade em Chicago nesta 4ª feira e busca manter movimento de recuperação (08:00)
Terça-Feira, 17/07
Frango fica menor e mais caro um mês e meio depois do fim da greve dos caminhoneiros (09:33)
Exportação de material genético avícola cresce 33% no semestre (09:31)
Inscrições pela internet para o Encontro Técnico Avícola terminam nesta terça-feira (09:00)
Aviagen investe estrategicamente em seu programa de melhoramento genético no Reino Unido (08:50)
Itaú BBA, Bradesco BBI e Morgan Stanley irão assessorar BRF em vendas (08:33)
5ª FAVESU já tem data e local confirmados (08:19)
Curso sobre incubação de ovos começa nesta quarta-feira 18/07, em Cascavel (PR) (08:14)
Com guerra comercial, cotação da carne suína desce a ladeira nos EUA (08:11)
Exportações de carne suína totalizam 278,3 mil toneladas no 1° semestre (08:10)
Milho: mercado tem dia correção técnica e fecha pregão desta 2ª com ligeiras valorizações em Chicago (08:06)
Soja sobe pelo 2º dia consecutivo em Chicago nesta 3ª feira com suporte nas condições das lavouras dos EUA (08:00)
USDA reduz índice de lavouras de soja e milho em boas ou excelentes condições (07:48)