Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019
Matérias-Primas

Milho: mercado brasileiro apresenta leves movimentações
Campinas, SP, 11 de Agosto de 2017 - No mercado brasileiro do milho, o dia de ontem foi de ligeira movimentação aos preços do milho. Conforme levantamento realizado pelo economista André Lopes, o preço caiu 1,69%, em Londrina (PR), com a saca do cereal a R$ 17,50. Já em Assis (SP), a perda foi de 0,52%, com a saca a R$ 19,20. No Porto de Paranaguá, a saca futura cedeu 3,64% e encerrou o dia a R$ 26,50.

Por outro lado, em Pato Branco (PR), a cotação subiu 1,15% e a saca finalizou o dia a R$ 17,60. Em São Gabriel do Oeste (MS), a valorização foi de 3,45%, com a saca a R$ 15,00.

No mercado doméstico, as cotações ainda sentem a pressão com o andamento da colheita da segunda safra. Ainda hoje, a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) estimou a produção total de milho em 97,19 milhões de toneladas na temporada 2016/17. Na segunda safra, a perspectiva é que sejam colhidas 66,68 milhões de toneladas do cereal.

Ainda nesta quinta-feira, a Conab realizou novas operações de apoio à comercialização do milho. O leilão de Pep (Prêmio para Escoamento de Produto) negociou 93,40% do total ofertado, de 60 mil toneladas do grão.

O leilão de Pepro (Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural) negociou 100% do total ofertado, de 692 mil toneladas. Em meio à disputa pelos lotes, os prêmios também recuaram assim como na operação de Pep.

BM&F Bovespa

Na BM&F Bovespa, as cotações futuras do milho encerraram o pregão desta quinta-feira em campo misto. O vencimento setembro/17, referência para a safrinha, era cotado a R$ 27,05 a saca, com ganho de 0,52%. Já o novembro/17 era negociado a R$ 28,26 a saca e queda de 1,12%.

Apesar da forte queda de Chicago, o dólar subiu 0,74% nesta quinta-feira. A moeda norte-americana fechou o dia a R$ 3,1756 na venda, maior patamar de fechamento desde 17 de julho, quando o câmbio encerrou a R$ 3,1814.

"Os investidores reagiram mal ao fato de o governo estar se preparando para anunciar meta de déficit primário maior e às tensões crescentes entre Estados Unidos e Coreia do Norte", informou a Reuters.
(Notícias Agrícolas) (Fernanda Custódio)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 23/01
Terça-Feira, 22/01
Arábia Saudita descredencia 33 unidades de carne de frango do Brasil que podem exportar ao país (16:26)
Arábia Saudita barra carne de frango de cinco frigoríficos brasileiros (13:18)
2019: Sindirações abre o calendário de cursos (08:27)
Movimento Frete sem Tabela critica reajustes divulgados pela ANTT (08:08)
Futuro de fiscais da Carne Fraca segue incerto (08:04)
Auster retoma plano para avançar no país (07:50)
Ovos produzidos em Pernambuco ganharão código na casca para garantir qualidade (07:47)
China aceita oferta de exportador de frango do Brasil para encerrar caso antidumping (07:46)
Mercado do boi apresenta baixa movimentação (07:40)
Milho: mercado interno registra estabilidade (07:35)
Soja: poucas variações nos preços com falta da referência de Chicago (07:30)
Segunda-Feira, 21/01
Dia de Campo da Copagril evidencia a força do cooperativismo (09:42)
China diz ter controlado surto de peste suína africana (08:47)
EUA e China negociam reabertura do mercado de frango (08:26)
China poderá reabrir seu mercado à carne de frango americana (08:26)
Exportações do agro em alta de quase 6% ultrapassam US$ 100 bilhões (08:11)
Custos de produção de frangos de corte subiram 14,21% em 2018 (08:07)
Guia Eletrônico de Nutrição Rhodimet®agora também está disponível para uso em smartphones (08:04)
MILHO/CEPEA: colheita da safra de verão se inicia no Brasil (08:02)
SOJA/CEPEA: preços internos, FOB e prêmios recuam com menor demanda internacional (08:01)
Milho: semana se encerrou com preços em alta na Bolsa de Chicago (08:00)
Sexta-Feira, 18/01
FRANGO/CEPEA: desaquecimento de negócios pressiona valores da carne (09:51)
OVOS/CEPEA: poder de compra do avicultor inicia 2019 em queda (09:50)
Milho: produtor de MT revê planos para safrinha (09:45)
Porto de Itajaí fecha o ano com melhor resultado desde 2011 (09:23)
Estudo sugere 'dieta universal' para salvar o planeta (09:22)
Ministério remove 'blindagem' de superintendências estaduais (08:22)
Boi Gordo: oferta regulada à demanda (08:09)
Milho: quinta-feira chega ao fim com preços em alta de até 6 pontos na Bolsa de Chicago (08:05)
Soja fecha a 5ª feira com altas de mais de 13 pts em Chicago com correção técnica e olhos no Brasil (08:00)
Quinta-Feira, 17/01
SUÍNOS/CEPEA: média do vivo é a menor para janeiro desde 2007 (11:06)
BOI/CEPEA: bom planejamento pode garantir margens positivas no fim de 2019 (11:03)
Balança Comercial Paulista registra superávit de US$ 11,49 bilhões, aponta IEA (11:02)
2ª Conbrasul Ovos 2019 vai reunir lideranças da avicultura de postura nacional e internacional de 16 a 19 de junho (09:28)
Presidente da ABPA se reúne governador Eduardo Leite (09:05)
Ministério tenta reabrir UE a carnes e pescados (08:28)
Milho: Bolsa de Chicago mantem tendência ao longo do dia e encerra quarta-feira em alta (08:23)
Carrefour vai monitorar fornecedores de carne por câmeras na França (08:20)
Fiscais Agropecuários gaúchos passarão por capacitação em inspeção (08:05)
STF abre investigação contra políticos na Operação Carne Fraca (08:02)
Três laboratórios têm selo Inmetro cancelado após descobertas da Operação Trapaça (08:00)
Cotação do boi gordo estável em São Paulo e frouxa em Mato Grosso do Sul (07:30)
Em mais um dia vazio de informações, soja fecha estável em Chicago nesta 4ª feira (07:18)