falhou! 2
Quarta-feira, 26 de Abril de 2017
Matérias-Primas

Governo libera R$ 800 milhões para a comercialização do milho

Medidas buscam apoiar os produtores do cereal na atual safra
Brasília, DF, 20 de Abril de 2017 - O governo autorizou o lançamento de contrato de opção de venda para 1 milhão de toneladas de milho produzido em Mato Grosso, envolvendo R$ 300 milhões. A operação a ser feita pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) fixa o preço de exercício em R$ 17,87/60 kg, com prazo em 15 de setembro deste ano. Outros R$ 500 milhões foram anunciados para o Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural e/ou sua Cooperativa (Pepro) e o Prêmio para Escoamento do Produto (PEP) do milho em grãos das safras 2016/2017 e 2017.

As medidas visam apoiar a comercialização de milho nesta safra e foram publicadas no Diário Oficial da União desta quarta-feira (19). “O objetivo do governo é dar uma sinalização de preço futuro para os produtores neste período da safra de inverno em Mato Grosso, hoje o maior produtor de milho segunda safra (também conhecida como safrinha), com 40% da produção nacional”, salienta o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Neri Geller.

Segundo estimativa da Conab, nesta temporada, os produtores brasileiros deverão colher mais de 91 milhões de toneladas do cereal. Do total, 61,6 milhões de toneladas deverão ser colhidas no inverno. Somente em Mato Grosso, a safrinha deverá ser de 24,1 milhões de toneladas.

Com o Pepro e o PEP, o governo quer garantir o preço mínimo de R$ 16,50/60kg ao produtor de milho, sempre que a cotação de mercado estiver abaixo do preço mínimo.
(Mapa) (Assessoria de Imprensa )
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 26/04
Suécia detecta novo caso de gripe aviária da cepa H5N8 (13:46)
Safeeds apresenta experiência europeia sobre restrição de antibióticos (11:26)
Sabor e qualidade da proteína animal do Brasil são destaques em ação no Egito (11:01)
Regime de Drawback: licença para exportar (10:01)
Patrícia Schwarz é a nova diretora de Aves da Boehringer Ingelheim Saúde Animal (09:20)
Nutriad realiza Simpósio técnico no Brasil (08:58)
Apta tenta atrair mais recursos privados para pesquisas em SP (08:04)
Juros do próximo Plano Safra ainda em negociação (08:02)
Terça-Feira, 25/04
Ministério vai manter seus superintendentes (10:35)
De Heus inaugura novo escritório em Campinas com conceito global inovador (10:14)
USP – ESALQ promove Escola de Altos Estudos em Bem-estar de Animais de Produção (10:08)
Anpario anuncia Reginaldo Teixeira na gerência Nacional de Vendas (09:28)
Tyson Foods compra empresa de foodservice por US$ 4,2 bilhões (09:20)
Com safrinha em desenvolvimento, preços do milho preocupam produtores de Goiás (08:05)
ASGAV & SIPARGS empossam Diretorias na próxima quinta-feira (08:00)
Segunda-Feira, 24/04
Embrapa: projeto de destinação de animais mortos disponibiliza vídeo com resultados de pesquisa (16:09)
Simpósio Ovosite aborda desafios na produção e comercialização de ovos (13:12)
ABPA e Apex-Brasil promovem ação no Irã (08:09)
Copacol recebe treinamento da Agri Stats para redução de custos (08:03)
Milho/Cepea: preços reagem em SP (08:01)
Soja em Chicago tem novas altas nesta 2ª feira com suporte do dólar e atento ao clima nos EUA (08:00)
Soja/Cepea: aumento nas vendas de óleo e farelo sustenta valor do grão (07:51)
Sexta-Feira, 21/04
Quinta-Feira, 20/04
Vetanco realiza Encontro Técnico em Minas Gerais (13:03)
CHICK Program garante eficácia na vacinação em Incubatórios (09:38)
SEAPI/RS divulga os 20 maiores municípios produtores de frango de corte no estado (08:54)
Governo libera R$ 800 milhões para a comercialização do milho (08:02)
Blairo entrega cargo, mas Temer não aceita (08:01)
Milho: mercado interno segue pressionado (08:00)
Soja: mercado encontra suporte no farelo (07:59)