Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017
Exportação

Interesse por carne de frango brasileira aumenta após surto de influenza aviária
Campinas, SP, 30 de Janeiro de 2017 - Países estão intensificando a procura pelo mercado brasileiro de carne de frango após o registro de influenza aviária na Ásia e Europa.

A confirmação é da ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal) informando na última sexta (27) que foi sondada por nações que deixaram de comprar o produto de mercados que registraram casos de influenza aviária.

"Em 60 dias, temos condições de nos rearticular para atender parte da nova demanda", disse o presidente-executivo da Associação, Francisco Turra.

Conforme Turra, cerca de 600 mil toneladas devem deixar de ser compradas neste ano de nações que notificaram o registro da influenza aviária.

O presidente da APA (Associação Paulista de Avicultura), Érico Pozzer, também confirmou o cenário. "Algumas indústrias já relatam aumento de consultas para determinados produtos nos últimos dias e, poderíamos ver reflexos disso nas próximas semanas", diz.

O desempenho das exportações, especialmente neste início de ano, é um ponto fundamental para composição de preço no mercado doméstico. As cotações do frango vivo vêm sofrendo forte pressão em janeiro devido ao desalinhamento entre oferta e demanda.

Como é típico no primeiro semestre, o consumo é enfraquecido no mercado interno. Por isso, o setor aposta no bom desempenho das vendas externas para escoar a produção.

O comunicado da ABPA também aproveitou para alertar os produtores sobre a necessidade de manter o status sanitário do Brasil, especialmente depois do registro da doença no país vizinho, Chile. O governo abateu preventivamente 150 mil perus. Depois de realizar novo teste e confirmar a doença, determinou o abate sanitário de mais 200 mil aves, que precisam ser descartadas.

A primeira medida do Ministério da Agricultura Brasileiro foi proibir a entrada de pessoas estranhas nos aviários ou mesmo que tenham vindo de viagem.
(Notícias Agrícolas) (Larissa Albuquerque)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 24/11
Bayer é parceira da Aurora em evento com produtores de matrizes e incubatórios (11:31)
FACTA promove curso sobre salmonella e campylobacter na avicultura, com a participação da Biocamp (11:17)
Anec eleva previsão de exportação de milho do Brasil para 33 mi t em 2017 (11:05)
O agro é pop. E os ruralistas? (09:12)
Quinta-Feira, 23/11
Encontro com empresários espanhóis acontece em Porto Alegre (11:30)
Asgav e Ovos RS apoiam atleta de Triathlo para uma prova de destaque mundial (11:25)
AB Vista amplia time de serviços técnicos e apresenta nova contratação para área de engenharia (10:27)
Após impasse, BRF confirma Drummond como CEO (09:04)
PR e MS querem pôr os grãos nos trilhos (09:02)
Quarta-Feira, 22/11
Cargill Nutrição Animal reúne avicultores para discutir minimização do impacto das micotoxinas (15:28)
Workshop Vaccinar Fábrica de Rações acontece em novembro com sete palestras impactantes (11:49)
Gastos com nutrição sobem e custos de produção de suínos e de frangos de corte têm nova alta em outubro (11:36)
Projeto aprovado na CAE disciplina repasse de recursos para defesa agropecuária (11:34)
V Workshop Sindiavipar: Setor avícola comemora expectativa de crescimento de 2% em exportações em 2017 (11:30)
Governo Trump pode entregar de bandeja 115 milhões de consumidores para o Brasil (09:02)
Indústria de frango tem cenário favorável para pôr "casa em ordem", diz Itaú BBA (08:51)
Apesar de embargos, Rússia depende de carnes do Brasil (08:48)
Queda da oferta de milho pode superar expectativas (08:46)
Terça-Feira, 21/11
MSD Saúde Animal entra no mercado de postura comercial com nova contratação (16:03)
BioCamp passa por momento especial com nova campanha de marketing (10:48)
Oferta agrícola gera tensão em países da UE (08:43)
Rússia confirma embargo a quatro frigoríficos de carne suína (08:42)
Segunda-Feira, 20/11