Mercado Externo

Trump ameaça a Europa com nova “Chicken Tax”

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, escreveu no Twitter nesta quarta-feira (28) que as montadoras americanas poderiam estar em melhores condições se houvesse uma tarifa para todos os carros estrangeiros que entram no país. Ele afirmou que seu governo está estudando impor taxas no setor depois que a General Motors (GM) anunciou, nesta semana, o fechamento de fábricas nos EUA. “A razão pela qual o negócio de caminhonetes nos EUA é bom é que, por muitos anos, as tarifas de 25% foram colocadas às caminhonetes que entram em nosso país. É a chamada ‘Chicken Tax’. Se nós fizermos isso com os carros que entram, muitos mais carros seriam construídos aqui e a GM não estaria fechando suas fábricas em Ohio, Michigan e Maryland”, escreveu Trump na rede social em seu primeiro tuíte sobre o tema nesta quarta. Em seguida, o presidente americano acrescentou: “Fique esperto, Congresso. Países que nos enviam carros tiram vantagem dos EUA por décadas. O presidente tem grande poder sobre essa questão. Por causa do evento da GM, isso está sendo estudado agora”. Trump já ameaçou impor novas tarifas a entrada de carros produzidos na Europa e no Japão. Além disso, uma investigação foi iniciada pelo Departamento do Comércio este ano para determinar se a importação de veículos representa ameaça à segurança nacional. Na terça-feira (27), a revista alemã "Wirtschaftswoche" disse que as descobertas dessa investigação estão na mesa de Trump e que o presidente pretende tomar uma decisão sobre o tema na semana que vem, após o G-20. O Departamento do Comércio americano, por outro lado, negou que já tenha encaminhado o relatório final ao presidente. O que é a “Chicken Tax” A "Chicken Tax", citada por Trump como um case de sucesso para a indústria automotiva americana, é uma tarifa imposta em 1964 em retaliação a barreiras comerciais europeias contra a importação de carne de frango americana e se mantém até hoje. A tarifa é mais alta do que as que Trump ameaça impor. Em junho, antes de acordar uma trégua sobre o assunto com o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, Trump ameaçou impor uma tarifa de 20% sobre os veículos europeus. A possível imposição de tarifas aos carros, no entanto, pode acabar afetando negativamente o desempenho de fabricantes americanas no segmento protegido pela “Chicken Tax”, segundo disse Jeff Schuster, analista-chefe de vendas globais de veículos da LMC Automotive à Dow Jones Newswires em junho.

(Valor ) (Rafael Vazquez)



Visite  www.ovosite.com.br  - O Portal do Ovo na Internet